Tandy dá pole à Porsche na classificação das 24 Horas de Daytona. Mas ele não vai largar na frente

Mikhail Aleshin garantiu a pole-position para as 24 Horas de Daytona. Apenas o nono mais rápido no geral, o russo acabou beneficiado pelo regulamento, que diz que um protótipo sempre deve ser o primeiro do grid. Pior para Nick Tandy, o mais rápido do geral com a Porsche

O treino que definiu o grid de largada para as 24 Horas de Daytona foi para lá de bizarro. Com a chuva castigando a pista, os melhores tempos vieram da classe GT, mais precisamente da Porsche de Nick Tandy. No entanto, por questões de segurança e de regulamento, são os protótipos quem largam nas primeiras colocações na prova deste sábado. Melhor para a SMP, que foi comandada na sessão por Mikhail Aleshin.
 
O tempo do russo foi de 2min05s973, o que significa ter sido mais lento que sete carros de GT Le Mans e outro da Prototype Challenge. Os brasileiros também acabaram beneficiados com a regra e vão aparecer no grid logo atrás de Aleshin. Pipo Derani foi segundo com 2min06s304 e Oswaldo Negri apareceu em terceiro com 2min07s432.
Mikhail Aleshin colocou a SMP na primeira colocação do grid (Foto: Getty Images)
Para se ter ideia de como as condições de pista estavam ruins durante a classificação, basta ver o relato de Aleshin, afirmando que quase bateu em sua volta rápida.
 
"Tinha muita água na pista, eu quase acertei o muro duas vezes durante a minha volta mais rápida", afirmou.
Mikhail Aleshin contou com velocidade e regulamento para ser o pole (Foto: Getty Images)
Johnny Mowlem fez a melhor marca pela Prototype Challenge, também tendo sido mais veloz do que Aleshin. O piloto da BAR1 virou 2min05s708.
 
Os maiores "injustiçados" só aparecem após os protótipos. Tandy e Fred Makowiecki viraram, respectivamente, 2min01s408 e 2min02s364, deixando a Porsche na frente de todos na tabela de tempos. 
 
A largada para as 24 Horas de Daytona acontece às 17h (em Brasília) deste sábado.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube