GRANDE PRÊMIO fecha parceria com ApexGT para transmissões de eSports

Classe PRO1 da sétima temporada da Apex Racing League será transmitida nos canais do GRANDE PRÊMIO. Campeonato virtual é o principal de Gran Turismo Sport do Brasil

Verstappen domina e vence na casa da Red Bull: os melhores momentos do GP da Estíria (GRANDE PRÊMIO com Reuters)

O GRANDE PRÊMIO firmou uma parceria com a ApexGT, organizadora da principal liga de Gran Turismo Sport do Brasil, a Apex Racing League (ARL). A PRO1, categoria de elite da sétima temporada do campeonato, será transmitida nos canais do GP.

A temporada acontece entre os dias 26 de julho e 13 de setembro, com corridas em todas as segundas-feiras. A abertura e o encerramento do campeonato serão transmitidos pelo canal do GRANDE PRÊMIO no YouTube, enquanto as outras provas ganharão espaço na Twitch.

“Parceria de extrema importância para o público do automobilismo em geral. Juntar a casa do melhor conteúdo do real com a casa do melhor do eSports a motor era a oportunidade de mostrar que os dois se completam. Em um futuro próximo, teremos muito mais pilotos do virtual fazendo essa ponte para o real, e quem ganha são os amantes do automobilismo”, declarou Diego Soares, fundador e diretor da ApexGT eSports.

ApexGT organiza campeonatos na plataforma GT Sport (Foto: Reprodução/ApexGT)

Não é a primeira incursão do GRANDE PRÊMIO no automobilismo virtual. Em 2020, a etapa teste da Stock Car eRacing Series foi transmitida nas redes sociais do portal.

“Há tempos a gente tentava criar um projeto bacana de automobilismo virtual no GRANDE PRÊMIO. Nós temos uma parcela da audiência querendo ver mais de eSports por aqui e a ApexGT chegou num ótimo momento. O primeiro passo é a transmissão regular da PRO1 da ARL e a partir daí criar mais possibilidades para os praticantes do automobilismo e motociclismo virtual”, comentou Renato Ribeiro, diretor de eventos e parcerias do GRANDE PRÊMIO.

A ARL teve sua primeira temporada em janeiro de 2020, utilizando a plataforma GT Sport. Desde a terceira edição, a liga passou a dividir os pilotos em três categorias: Amador, Pro-Am e Profissional. Cada uma apresenta um formato diferente de punições para os incidentes. A liga consolida um ranking de pilotos que conta não só o tempo de volta, mas o tempo de total de prova, além do peso diferenciado para cada categoria.

A JULIETTE DA F1: O QUE A MERCEDES PODE FAZER PARA VENCER A RED BULL NA ÁUSTRIA | GP às 10

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar