0s001 atrás de Vettel, Bottas lamenta perder lugar na primeira fila, mas espera corrida apertada e clima imprevisível na China

Valtteri Bottas ficou a um mísero milésimo de largar na primeira fila logo na sua segunda corrida com a Mercedes. Sebastian Vettel fez uma volta em 1min31s864 e colocou a Ferrari entre os dois carros prateados. O finlandês espera um grande desafio neste domingo em Xangai

 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Bem à sua maneira, quietinho, Valtteri Bottas vai começando bem sua trajetória como piloto da Mercedes. O finlandês de 27 anos, que foi contratado para substituir o campeão do mundo e aposentado Nico Rosberg, chegou com uma duríssima missão, mas até agora não comprometeu. No treino classificatório que definiu o grid de largada do GP da China, Bottas ficou muito perto de largar na primeira fila. Muito perto mesmo. Exatamente 0s001.

 
No fim do Q3, Bottas cravou 1min31s865. Um tempo que o colocou a 0s187 da marca estabelecida por Lewis Hamilton, que registrou o novo recorde do circuito de Xangai. Entretanto, na tentativa derradeira, Sebastian Vettel passou a 1min31s864, se colocando entre os dois carros da Mercedes no grid de largada do GP da China.
 
Bottas já largou na primeira fila em três oportunidades: nos GPs da Áustria e Alemanha de 2014 e no GP da Rússia do ano passado, todos pela Williams, única equipe que defendeu antes de assinar com a Mercedes.

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Bottas explica para Vettel a diferença que faltou para largar na segunda posição (Foto: F1/Twitter)
O finlandês agora quer focar na corrida acreditando que terá pela frente um grande desafio: lidar com a pressão de uma Ferrari que está cada vez mais forte e, indo mais além, com o clima que parece incerto. Há 60% de possibilidade de chuva para o horário da corrida em Xangai.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“É uma grande pena que Seb tenha conseguido ficar entre nós, mas a corrida é amanhã. Estamos largando em primeiro e terceiro e é um bom lugar para começar”, afirmou Bottas, conformado, durante entrevista coletiva logo após o treino classificatório.

 
“O clima pode ser qualquer coisa amanhã. Lewis foi forte, a Ferrari foi forte e nós estamos esperando uma corrida apertada. Vamos ver o que o amanhã vai trazer”, acrescentou o dono do carro #77 da Mercedes.
 

O GRANDE PRÊMIO transmite todas as atividades do GP da China de F1 neste fim de semana. Acompanhe tudo AO VIVO e em TEMPO REAL, com o novo livetiming.

PADDOCK GP #72 TRAZ ÁTILA ABREU E DISCUTE ETAPAS DA STOCK CAR, F1, INDY E MOTOGP

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube