“Ainda há o que melhorar”, mas Ocon celebra volta à F1 em teste: “Ótima sensação”

Esteban Ocon voltou a um cockpit de Fórmula 1 nesta terça-feira (2), enfim pilotando um carro da Renault nos testes de pneus em Abu Dhabi. Foram 77 voltas e a oitava colocação nos tempos do dia

Esta terça-feira (3) marcou o retorno de um piloto a um cockpit da Fórmula 1 – sim, mesmo dois dias após o encerramento da temporada 2019. Esteban Ocon, enfim, pôde pilotar um carro da Renault durante os testes da Pirelli em Abu Dhabi.

Foram 77 voltas e o oitavo melhor tempo, com 1min39s962, mas isso foi o de menos para o francês. O que importou, de fato, foi a chance de oficialmente voltar à categoria.

Esteban Ocon vai ser o novo piloto da Renault (Foto: Renault)
Paddockast # 44
RETROSPECTIVA 2019: MUITO QUE BEM, MUITO QUE MAL

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

"Foi um dia bastante animador", comentou Ocon após os testes. "Comecei a entender como nosso carro funciona e cheguei mais perto de seu limite a cada volta que dei."

"Foi uma ótima sensação estar de volta a um volante de Fórmula 1. A equipe me deu um caloroso apoio de boas-vindas. As primeiras impressões foram boas, foi bom poder testar os pneus de 2020, mas ainda há o que melhorar", continuou.

Ele está escalado para o segundo dia de testes, na próxima quarta-feira: "Temos uma base sólida para amanhã e estou ansioso para isso", completou Ocon.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube