Alonso ‘marca’ aposentadoria para próxima década, mas jura amor eterno ao esporte e fala em trabalhar com crianças

Fernando Alonso deve renovar o contrato com a McLaren e depois que sair da F1 deseja ganhar a Indy 500 e as 24 Horas de Le Mans. Mas que isso tudo aconteça rápido, porque em dez anos Alonso deseja estar fora das pistas - apesar de jurar que não quer ficar longe do esporte

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Desde que Nico Rosberg pegou o mundo inteiro de surpreso e anunciou a aposentadoria precoce da F1 apenas alguns dias depois de se tornar campeão mundial em 2016, há uma grande curiosidade sobre o que os principais pilotos do grid pensam sobre o fim da carreira. Aos 35 anos de idade, Fernando Alonso sabe que os dias na F1 estão mais próximos do fim que do começo, mas ainda deseja guiar por mais algum tempo. Na F1 ou em outra categoria, esse tempo não chegará a de anos.

 
Ao menos foi o que Alonso falou durante uma conversa com os fãs em ato promocional nas redes sociais. Perguntado sobre o que espera estar fazendo daqui dez anos, o bicampeão foi claro: descansar da pilotagem.
 
"Me vejo em casa, descansando. Desde os três anos de idade eu estou atrás de volantes, correndo de kart. E desde os 14 ou 15 anos que eu faço isso em nível internacional. Dentro de dez anos eu terei um descanso", afirmou. 
 
Mesmo longe do volante, Alonso não quer se afastar da vida ligado ao esporte a motor. Segundo ele, sempre estará conectado ao esporte de alguma forma e com algum tipo de trabalho.
Fernando Alonso (Foto: McLaren)
"Mas com certeza estarei conectado com o esporte a motor por toda a minha vida, assim como kartódromos e a escola de kart que nós temos nas Asturias. Sempre haverá trabalho para ajudaràs crianças e montar as melhores instalações e escolas possíveis para ajudar em tudo que precisem se tiverem talento", encerrou.
 
Os dez anos de Alonso não serão todos na F1, provavelmente. Às vésperas de assinar mais um contrato com a McLaren, Fernando já deixou claro que deseja ao menos ganhar as 24 Horas de Le Mans e as 500 Milhas de Indianápolis, coisas que dificilmente fará enquanto for piloto do Mundial – ainda que tenha participado da Indy 500 em 2017.
’EXTRAORDINÁRIO’

DI GRASSI VÊ HAMILTON COMO UM DOS TRÊS MAIORES DA HISTÓRIA

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube