Arrogante e ofensivo: defensores das touradas rebatem críticas de Hamilton

Lewis Hamilton se posicionou nas redes sociais contra as touradas espanholas. Entretanto, o inglês teve de lidar com críticas de envolvidos com o tradicional esporte e até mesmo com o Ministro do Esporte do país

Lewis Hamilton teve de lidar com algumas críticas após ter se posicionado contra touradas. Grandes nomes do esporte e até mesmo um ministro espanhol se mostraram atacados pelas palavras do titular da Mercedes, dizendo que foi ofensivo e arrogante.

Nas últimas semanas, o britânico tem se posicionado abertamente sobre assuntos de extrema relevância em suas redes sociais. Primeiro, falou sobre a morte de George Floyd e mostrou apoio aos protestos de racismo que tomaram conta dos Estados Unidos e do mundo. Inclusive, chegou a criticar pilotos da Fórmula 1 que não se manifestaram sobre o caso. Depois, fez tantas outras importantes declarações sobre racismo e os reflexos que teve em sua vida.

Agora, o mais novo assunto abordado pelo #44 foi sobre as touradas, tradicional evento da Espanha. Vegano assumido e defensor da causa, escreveu que “crianças na Espanha são ensinadas a torturar e matar touros a partir dos 14 anos. Isso é terrível. Estamos pedindo para que o Ministro feche as escolas de touradas imediatamente”.

Entretanto, as palavras de Hamilton não foram bem recebidas por diversos esportistas da modalidade. Cayetano Rivera, que chegou a ocupar a sexta colocação de toureiros da Espanha, escreveu em seu Twitter críticas ao hexacampeão.

Lewis Hamilton, Mercedes, Fórmula 1
O post feito por Hamilton em seu Instagram (Foto: Reprodução)

“Lewis Hamilton não gosta de touradas, e daí? De qualquer maneira, antes de criticar a cultura de alguém, deve ao menos aprender sobre o que está falando. Respeite. E não deixe valentões te enganarem”, apontou.

Outro que também se pronunciou foi Fran Rivera. Em entrevista ao ‘Notícias Fin de Semana’, apontou que “uma pessoa que não tem ideia do que fala, a primeira coisa a se fazer é se informar. Isso é arrogância, muita arrogância, e desinformação. Acredito que é um ataque e uma falta de respeito contra a Espanha, todos os espanhois e nossas tradições.”

Por fim, até mesmo José Manuel Rodríguez Uribes, atual Ministro da Cultura e Esporte do país, lamentou a posição adotada pelo inglês. “São palavras ofensivas e atacam pessoas que tem um amor e um sentimento positivo fazendo algo que, em nosso país, tem valor cultural”, disse ao RNE.

“São declarações que não ajudam a comunicação e o entendimento. A discrepância é legítima, mas o respeito é fundamental. Dizia Fernando de los Ríos, que foi um grande professor e ministro durante a segunda república, que, às vezes, nas sociedades humanas, o que falta é a revolução do respeito. E acredito que é verdade, que, às vezes, temos de apelar ao respeito”, concluiu.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube