Avião com diretor da McLaren tem problema eletrônico e precisa fazer pouso de emergência em Le Mans

Em Le Mans, onde está acontecendo a tradicional prova de Endurance, aeronave de Éric Boullier e o ex-piloto Zak Brown apresentou pane eletrônica, obrigando-os a fazer um pouso de emergência ainda no aeroporto de aviões de pequeno porte

Éric Boullier passou por um susto na manhã deste domingo (14). Em Le Mans, onde aconteceu a tradicional prova de Endurance, o diretor-esportivo da McLaren estava num voo que teve de fazer um pouso de emergência após o avião apresentar problemas.
 
O francês estava com o empresário e ex-piloto americano de endurance Zak Brown, após passar o sábado acompanhando as 24 Horas de Le Mans. No meio da viagem houve uma pane na parte eletrônica, eles se viram obrigados a retornar e aterrissar ainda no aeroporto, para aviões de pequeno porte. Os bombeiros foram chamados ao local, e ambos saíram sem ferimentos.
Foto postada por Brown (Foto: Reprodução/Twitter)
Ao comentar sobre o caso, Brown se mostrou assustando. “Essa foi por um triz. Eu e meu colega Éric Boullier tivemos que fazer um movimento de emergência quando perdemos os controles eletrônicos no meio do voo. O resgate foi nos encontrar”, disse em seu Twitter. O próprio dirigente chegou a dar RT (replicar em seu próprio perfil) nas postagens do americano.
 

A falha deixou a aeronave sem rádio, motivando assim o retorno ao aeroporto em Le Mans. Procedimentos de situações de emergência foram adotados, mas não houve um grande drama. Procurada, a McLaren disse que não vai comentar a respeito da mensagem postada por Brown.

VIU ESSA? DUVAL SOFRE ACIDENTE COM AUDI #8 DE DI GRASSI

determinarTipoPlayer(“15505194”, “2”, “0”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube