Bottas vê mercado ainda “em aberto” após renovações de Leclerc e Verstappen

Valtteri Bottas segue vendo clima de incerteza no mercado de pilotos após as renovações de Charles Leclerc e Max Verstappen – que nem chegaram a surpreender o finlandês. Valtteri luta pela renovação com a Mercedes para 2021

Valtteri Bottas ainda sente um clima de incerteza quando o assunto é o mercado de pilotos para a temporada 2021 da Fórmula 1. Algumas peças do quebra-cabeça já estão encaixadas, com Charles Leclerc e Max Verstappen renovando respectivamente com Ferrari e Red Bull. Os demais pilotos das equipes de ponta, entretanto, segue com destino incerto, o que leva Valtteri a acreditar que ainda há muito por acontecer.
 
"Tudo está um pouco em aberto depois desse ano [2020]", destacou Bottas, entrevistado pelo jornal finlandês Ilta Sanomat. "Talvez o plano deles [Ferrari e Red Bull] seja ter ao menos um piloto resolvido. Não dá para ficar tão surpreso com isso. Os dois [Leclerc e Verstappen] são jovens e já mostraram seus talentos. As equipes sabem que não há risco em mantê-los. Por que não? É algo bom, que ajuda a estabilizar as coisas no mercado de pilotos", seguiu.
Valtteri Bottas é um dos pilotos ainda sem contrato para 2021 (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

Bottas é um dos pilotos com destino incerto, já que o vínculo atual com a Mercedes expira ao fim de 2020. O mesmo acontece com Lewis Hamilton, que já negocia renovação. Ainda não há notícias sobre o finlandês, que já passou a maior parte de 2019 convencendo a equipe prateada de que merecia continuar por mais um ano.

 
Um fator para continuar na Mercedes será a relação com Hamilton. Se depender disso, Bottas se sente confiante.
 
"Se houve isso [tensão], foi muito pouco. Nós conseguimos trabalhar juntos e nunca estivemos tão juntos. Nós competimos muito duro um contra o outro, mas nunca tivemos grandes problemas. É saudável que você não esteja competindo contra seu melhor amigo e que a equipe seja cuidadosa com a química entre os pilotos", encerrou.
 
A temporada 2020 da Fórmula 1 começa em 15 de março, data do GP da Austrália.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube