Buemi sofre forte acidente com Red Bull em testes de pneus em Silverstone

Na última quarta-feira (17), Sébastien Buemi sofreu um acidente com impacto de 20G ao escapar em alta velocidade da curva Abbey, em Silverstone, enquanto pilotava o Red Bull RB15 em sessão de testes promovida pela Pirelli. Após uma bateria de exames médicos, o suíço foi liberado sem ferimentos

Sébastien Buemi viveu um grande susto na última quarta-feira (17). Piloto da Nissan na Fórmula E e da Toyota no Mundial de Endurance, o suíço ainda é vinculado à Red Bull na F1. E pela equipe de Milton Keynes, Buemi participou de uma sessão de testes promovida pela Pirelli em Silverstone para o desenvolvimento dos pneus para 2020. O reserva da equipe taurina perdeu o controle do carro, modelo RB15, na curva Abbey, escapou em alta velocidade e acertou a barreira de proteção, sofrendo um impacto de 20G.
 
Além de Buemi, que no último fim de semana disputou a rodada dupla que encerrou a temporada 2018/19 da Fórmula E em Nova York e ganhou a corrida de sábado com a Nissan, a sessão de testes em Silverstone contou com a participação de Robert Kubica, com a Williams. Ao todo, os dois pilotos haviam completado um total de 158 voltas quando aconteceu o acidente.

Buemi sofreu acidente enquanto testava pela Red Bull em Silverstone (Foto: Red Bull Content Pool)

Com a bandeira vermelha, a sessão foi encerrada antes do tempo previsto.

 
Segundo os primeiros relatos, fornecidos pelo site ‘Grand Prix 247’, o suíço escapou ileso da batida. Mas como é padrão nesses casos, o piloto foi encaminhado para o centro médico do circuito para a realização de exames mais detalhados. Como não houve nenhuma lesão sofrida, Buemi foi liberado pouco depois.
 
As primeiras avaliações dão conta de que a Red Bull detectou um problema na parte traseira do carro. Buemi acabou virando passageiro do carro e acertou a barreira de proteção. A equipe de Milton Keynes e a Pirelli avaliam o que de fato causou o acidente.

Pierre Gasly testou com a Red Bull na terça-feira (Foto: Pirelli)

A atividade de quarta-feira encerrou o cronograma da Pirelli para Silverstone, que na terça teve a participação de Pierre Gasly, com a Red Bull, e George Russell, este a bordo da Williams. Os dois completaram um total de 200 voltas, mas daquela vez sem maiores incidentes.

 
De acordo com a fornecedora italiana, a próxima bateria de testes para o desenvolvimento dos pneus de 2020 está marcada para os dias 12 e 13 de setembro, em Paul Ricard, na França. Depois, há testes previstos para Suzuka e México para acumular mais informações visando o projeto dos compostos para a próxima temporada da F1.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube