Sainz freia empolgação nos testes de Barcelona: “Não estamos perto do limite”

Carlos Sainz pisou no freio da empolgação ao falar do início da Ferrari na pré-temporada. Espanhol vê o carro com boa confiabilidade, mas não crê que desempenho real foi demonstrado até aqui

COMO FOI O SEGUNDO DIA DA PRÉ-TEMPORADA DA FÓRMULA 1 2022 EM BARCELONA | Briefing

A Ferrari foi destaque mais uma vez nos testes de pré-temporada da Fórmula 1, mas isso ainda não anima o espanhol Carlos Sainz. O dono do carro #55 foi líder por quase três horas na sessão disputada na manhã desta quinta-feira (24), em Barcelona, até ser batido por Daniel Ricciardo. Na tarde, o companheiro de equipe Charles Leclerc anotou o tempo mais rápido do dia.

Em entrevista após a quinta-feira de testes, Sainz elogiou a confiabilidade apresentada pela F1-75 até aqui, mas crê que não está próximo de alcançar o potencial máximo do bólido, que também teve destaque na quarta-feira.

“É bom em termos de confiabilidade. Conseguimos completar um dia e meio de testes sem sofrer problemas, o que é um início encorajador para nós. É para isso que estamos aqui em Barcelona. Infelizmente para vocês [imprensa], não é empolgante porque não estamos perto do limite do carro ou de encontrar onde está a performance. Mas estamos dando voltas, e as completando com tranquilidade”, comentou o espanhol.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Carlos Sainz comandou a manhã do segunda dia em Barcelona (Foto: Ferrari)

LEIA MAIS: Leclerc dá troco na McLaren e lidera segundo dia de testes da F1 em Barcelona

Carlos classificou as primeiras experiências como “normais”, já que ainda não sabe necessariamente a ordem de forças e a posição de cada carro nos testes, mas que por se esquivar dos problemas e completar os programas desenhados pela Ferrari, sente que está tudo “normal”.

“Não parece um início bom em termos de feeling, mas um início normal. Chamo de normal porque não tivemos problemas ainda, e consegui executar todo o plano. Como disse, se é bom ou ruim, eu não sei porque não conheço estes carros, adicionando ou tirando combustível, posso ir 3 ou 4s mais rápido, ou mais lento. Onde estou nesta janela? Se comecei no meio, onde estão os outros? É impossível de prever. Então, às vezes, quando você está 0s2 ou 0s3 atrás do Daniel [Ricciardo] pela manhã, ou tem 3 ou 4s de margem para cima ou para baixo, é impossível saber”, completou o piloto.

A Fórmula 1 encerra a primeira fase da pré-temporada nesta sexta-feira (25) em Barcelona. Novos testes são esperados para acontecer no Bahrein, entre os dias 10 e 12 de março.

GRANDE PRÊMIO cobre in loco a primeira semana de testes da Fórmula 1 no Circuito de Barcelona-Catalunha com Eric Calduch.

O QUE ESPERAR DE HAMILTON NA FÓRMULA 1 2022?
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar