Chefe-adjunto da Force India quer passar Red Bull no Mundial de Construtores, mas sabe que está “bem mais complicado

Bob Fernley afirmou que o pódio duplo que a Red Bull alcançou em Hungaroring complicou a meta do quarto lugar da Force India no Mundial de Construtores, mas não abriu mão do objetivo

O pódio duplo da Red Bull na Hungria não fez com que a Force India desistisse de seu objetivo de fechar a temporada na quarta colocação entre os times. Segundo o chefe-adjunto Bob Fernley, a missão se complicou com os 33 pontos marcados pelos austríacos em Hungaroring, mas ainda está de pé.
 
Fernley afirmou que o objetivo do time ficou claro após a boa participação em Silverstone e que, mesmo com os pontos conquistados por Daniil Kvyat e Daniel Ricciardo no GP da Hungria, a equipe não pode desanimar de tentar o quarto posto.
 
“Nosso objetivo estava bem claro depois de Silverstone: brigar e, se possível, passar a Red Bull. Mas eles fizeram uma grande apresentação na Hungria e conquistaram muitos pontos. Mas eu não acho que devemos desistir deste objetivo. Entretanto, hoje ele está bem mais complicado do que era após Silverstone”, disse.
 
Para o dirigente do time indiano, a Force India também precisa abrir o olho para assegurar que vai ficar pelo menos em quinto.
 
“Nós, certamente, precisamos ter a certeza de que nos consolidamos em quinto. É o mínimo que o time precisa chegar, mas não podemos esquecer o sonho de ser quarto”, falou o dirigente.
Bob Fernley ainda confia na quarta colocação na temporada 2015 (Foto: Force India)
Fernley explicou que vê a Force India em vantagem nas próximas provas e apostou suas fichas na Bélgica, na Itália e em Cingapura.
 
“Restam nove corridas e eu vejo que há alguns circuitos muito favoráveis para a Force India e menos para a Red Bull que, para mim, chegou no auge na Hungria. Daqui para frente, seremos muito fortes, pelo menos, em Spa, Monza e Cingapura. Na verdade, acho que estaremos bem em todas as corridas”, afirmou.
 
O chefe-adjunto da Force India reconheceu que o time não começou bem em 2015, mas exaltou a reação, especialmente para colocar o carro B na pista.
 
“Foi uma primeira metade de temporada muito complicada, mas todos nossos esforços acabaram valendo a pena. Todos os créditos para os nossos engenheiros e nossos mecânicos. O carro B já mostrou muito potencial na Inglaterra”, completou.
 
A Force India ocupa a quinta colocação no Mundial de Construtores com 39 pontos. A Red Bull está em quarto com 96.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube