Chefe da Mercedes minimiza irritação com aposentadoria e diz que racional Lauda não entende Rosberg

Chefe da Mercedes, Toto Wolff minimizou a irritação de Niki Lauda com a aposentadoria de Nico Rosberg e avaliou que alguém tão racional quanto o ex-piloto não consegue entender uma decisão tão passional quanto a do campeão de 2016

 

Toto Wolff tratou de minimizar as declarações irritadas de Niki Lauda sobre a aposentadoria surpreendente de Nico Rosberg. O presidente não-executivo da Mercedes criticou o alemão por não dar a chance de a equipe de Brackley ter um plano B.

 
Na última sexta-feira, menos de uma semana depois de conquistar seu primeiro título na F1, Rosberg anunciou sua saída do Mundial com efeito imediato. 
Toto Wolff minimizou irritação de Niki Lauda como Nico Rosberg (Foto: Getty Images)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Com a decisão do #6, a Mercedes acabou com um abacaxi na mão, já que a maioria dos pilotos já tem contrato para 2017 e o chefe do time não faz segredo de que acha cedo para promover Pascal Wehrlein, pupilo da escuderia de Brackley.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Apesar do revés, Wolff se mostrou mais compreensivo com Nico e tratou de colocar panos quentes nas declarações de Lauda. O ex-piloto afirmou que Rosberg pegou a equipe de surpresa e deixou todo mundo com “cara de tonto”.
 
“Não tem sentimentalismo em sua maneira de pensar, e são muitas razões racionais para não desistir do melhor carro assim que se torna campeão mundial”, disse Wolff à agência de notícias DPA. 
 
Gerhard Berger, por sua vez, foi mais longe e disse não entender a irritação de Lauda.
 
“Eu disse ao Niki: ‘Você fez ainda pior! Você saiu no meio da temporada depois de um treino porque não queria mais ficar guiando em círculos!’”, disse Berger. “Por outro lado, eu entendo o descontentamento”, seguiu.
 
“Se você dirige um time e tem um piloto do calibre de Nico acertado para o futuro, todas as peças deste gigante quebra-cabeça estão nos lugares certos. Aí você perde um pedaço grande como este. É uma grande perda”, reconheceu. “Claro que você fica irritado no primeiro momento, mas eles vão se recuperar”, concluiu Gerhard, que ajudou Rosberg a negociar um contrato de dois anos com a Mercedes ainda em 2016.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube