Chefe da Red Bull elogia “parceria robusta” com Verstappen após renovação de Pérez

Christian Horner, chefe da Red Bull, celebrou renovação de contrato de Sergio Pérez e elogiou parceria com Max Verstappen. O britânico admitiu a queda recente de desempenho do mexicano, mas disse confiar em uma reviravolta nas próximas etapas da Fórmula 1

Com o anúncio da renovação de Sergio Pérez com a Red Bull por mais dois anos além do contrato, o mexicano garantiu a permanência na esquadra austríaca até o fim da temporada de 2026 da Fórmula 1, encerrando uma das negociações mais especuladas no grid da categoria nos últimos meses. Chefe dos taurinos, Christian Horner assegurou que a extensão do vínculo com o piloto se deve à confiança que o time tem no trabalho desempenhado por ele desde 2021, quando desembarcou em Milton Keynes.

“Este é um momento importante para confirmar nossa dupla para 2025, e estamos muito felizes por continuarmos trabalhando com Checo”, disse Horner logo após a renovação ser confirmada. “Continuidade e estabilidade são coisas importantes para a equipe”, destacou o britânico.

“Checo e Max [Verstappen] formam uma parceria robusta e de sucesso, garantindo primeiro e segundo lugares para a equipe no campeonato pela primeira vez no ano passado. Checo teve um início forte em 2024, com segundos lugares em Bahrein, Arábia Saudita e Japão, além do pódio na China“, ressaltou o chefe da Red Bull.

Por outro lado, Horner admitiu que as últimas participações de Pérez ficaram aquém do que a equipe esperava. Antes de abandonar em Mônaco, onde não conseguiu passar do Q1 na classificação, o mexicano foi oitavo no GP da Emília-Romanha — com queda no Q2 — e não conseguiu brigar pelo pódio no GP de Miami.

F1 2024, GP DE MIAMI, ESTADOS UNIDOS, QUINTA-FEIRA, AFP, SERGIO PÉREZ, RED BULL,
Pérez foi elogiado por Horner, que demonstrou confiança no mexicano (Foto: AFP)

No entanto, o chefe dos energéticos garantiu que confia na retomada de nível por parte de Pérez e disse esperar por uma batalha dura no campeonato deste ano, que já teve vitórias de McLaren e Ferrari — além da própria Red Bull.

“As últimas corridas foram duras, há uma convergência no grid, mas estamos confiantes em Checo e ansiosos para seu retorno à performance que tanto vimos. Tivemos um ‘ano unicórnio’ na temporada passada, vamos precisar trabalhar duro para manter nossos títulos, mas nos garantimos em nossa dupla e na equipe como um todo, o que é imperativo no que está se tornando uma batalha apertada no campeonato deste ano”, finalizou.

Fórmula 1 retorna de 7 a 9 de junho com o GP do Canadá, nona etapa da temporada 2024.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.