Consultor espera ver Red Bull à frente na Espanha: “Ou teremos problemas”

Helmut Marko disse que o carro da Red Bull se adapta melhor a circuitos permanentes, o que indica que a equipe deve estar à frente das rivais na Espanha. No entanto, caso isso não aconteça, o consultor-esportivo admitiu que a preocupação vai começar a bater

Depois de ser derrotada por Ferrari e McLaren em Austrália, Miami e Mônaco, a Red Bull passou a ter a soberania na Fórmula 1 questionada e, pela primeira vez em algum tempo, precisou responder perguntas sobre a real capacidade do carro na pista. Entretanto, o consultor-esportivo dos taurinos, Helmut Marko, não está preocupado com a competitividade da temporada 2024 — principalmente por ter Max Verstappen ao volante.

Segundo o austríaco, o desenvolvimento aerodinâmico do RB20 favorece aspectos que dificultam que o carro tenha a altura aumentada, o que atrapalha as passagens pelas zebras. Assim, Marko espera um desempenho melhor em circuitos tradicionais. Para Helmut, caso isso não aconteça, aí sim a equipe teria motivos para se preocupar.

“Nosso carro tem um conceito focado na eficiência aerodinâmica”, explicou Marko ao portal F1 Insider. “Não podemos levantá-lo demais em relação ao solo para atacar melhor as zebras sem perder bastante downforce. Acho que ainda temos vantagem nos circuitos tradicionais”, disse.

“Se não estivermos à frente em Barcelona, então realmente teremos um problema. Em circuitos que não somos tão competitivos, podemos contar com o fator Verstappen. Ele está no topo e faz a diferença”, elogiou.

GP da Espanha deve voltar a mostrar Red Bull dominane, segundo Helmut (Foto: Red Bull Content Pool)

Depois de passar longe de um resultado de destaque em Mônaco, com Verstappen em sexto, Christian Horner — chefe da Red Bull — recebeu o mesmo questionamento. Para o britânico, a explicação segue a linha de Marko: pistas urbanas não favorecem o RB20.

“Não é como se o carro tenha passado a ser ruim, esse circuito simplesmente não se adaptou às nossas qualidades”, analisou Horner. “Precisamos entender quais são as fraquezas e como resolvê-las”, finalizou.

O GP da Espanha acontece no dia 23 de junho. Antes disso, no entanto, a Fórmula 1 retorna de 7 a 9 de junho com o GP do Canadá, nona etapa da temporada 2024.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.