Ricciardo apoia CEO da F1 e pede volta de motor com “mais barulho”: “Era intimidador”

Daniel Ricciardo ficou ao lado de Stefano Domenicali e pediu o retorno de motores mais barulhentos na Fórmula 1. Dirigente disse que estuda uma alternativa para substituir as unidades de potência híbridas a partir de 2030

No início da semana, Stefano Domenicali, CEO da Fórmula 1, defendeu a volta dos motores V8 ao grid e desejou unidades de potência mais barulhentas a partir de 2030. Às vésperas do GP da Emília Romanha, o dirigente ganhou o apoio de Daniel Ricciardo, piloto da RB, na proposta.

Segundo Domenicali, a introdução de combustíveis sustentáveis na F1 a partir de 2026, com a chegada do novo regulamento, pode fazer a categoria abandonar as unidades de potência híbridas e voltar aos V8, que deixaram o grid no final da temporada 2023.

Na coletiva de imprensa dos pilotos em Ímola, Ricciardo pediu para responder uma questão sobre o assunto e, de maneira entusiasmada, destacou sua opinião.

“Quando entrei na Fórmula 1 [em 2011], os motores certamente faziam mais barulho. Quando você ligava e você esperava, aumentava a adrenalina. Quando você partia, dava para sentir os arrepios na espinha. Talvez porque eu era jovem e sem experiência, mas quando o motor ligava era intimidador, era assustador”, disse o australiano da RB.

Daniel Ricciardo durante treino livre em Ímola (Foto: RB)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

“O som era de um animal pronto para ser solto, então lembro disso vividamente e era amedrontador. Então você chegava na pista e estava em um lugar feliz, confortável. Na garagem, esperando ligar [o motor], era muito legal”, acrescentou.

Em sua recente entrevista, Domenicali destacou que a mudança é apenas uma consideração pessoal e que sequer conversou com equipes ou com a Federação Internacional de Automobilismo (FIA), mas que as partes estão estudando soluções disponíveis para o futuro.

O GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e EM TEMPO REAL todas as atividades do GP da Emília-Romanha de Fórmula 1 e transmite classificação e corrida em segunda tela, em parceria com a Voz do Esporte, na GPTV, o canal do GP no Youtube. Além disso, debate tudo que aconteceu na pista com o Briefing após treinos livres e classificação, além de antes e depois da corrida. O TL1 abre o fim de semana de pista na sexta-feira, às 8h30 (de Brasília, GMT-3), enquanto o TL2 acontece a partir das 11h45. No sábado, o TL3 será às 7h30, ao passo que a classificação oficial está marcada para as 11h. Por fim, a largada está marcada para as 10h do domingo.

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.