Diretor da F1 crê em “corridas empolgantes” na Áustria mesmo sem grid invertido

A ideia do grid invertido não saiu do papel para a temporada 2020 da Fórmula 1. Mesmo assim, Ross Brawn, diretor-esportivo da categoria aposta em boas corridas na Áustria

A Fórmula 1 começa a temporada 2020 com duas provas em sequência no Red Bul Ring, na Áustria, nos dias 5 e 12 de julho. A mudança no calendário da categoria por conta da pandemia do novo coronavírus fez com que a F1 também pensasse em novas ideias para as corridas, como a inversão no grid, mas o plano foi guardado.

Para a segunda corrida na Áustria, o GP da Estíria, a Fórmula 1 planejava fazer uma corrida rápida com o grid invertido no sábado, no lugar da classificação, mas a ideia foi rejeitada pela Mercedes. Era necessária aprovação unânime das equipes.

Para Ross Brawn, diretor-esportivo da categoria, o Red Bull Ring receberá duas grandes corridas, mesmo sem o grid inverso.

“Eu acredito que a corrida na Áustria será bem empolgante. Começo de temporada, com o traçado que tem, todo mundo se acostumando, então eu acho que teremos duas corridas interessantes”, afirmou o dirigente em uma conferência virtual da FIA.

Ross Brawn (direita) contou detalhes dos planos da categoria (Foto: F1)

Brawn ainda explicou como seria o grid reverso e comentou que a discussão sobre o plano começou no ano passado.

“Introduzimos o conceito da classificação em forma de corrida, baseado na ordem reversa do campeonato, e que levaria para o evento principal que seria a corrida no domingo. Discutimos isso no ano passado, tivemos apoio, mas não foi unânime. E, neste ano, o cenário se repetiu. Algumas equipes acham que isso não deveria ser feito”, declarou Brawn.

“Nossa preocupação era em locais que teremos duas corridas, como na Áustria, em Silverstone e provavelmente mais lugares no fim do ano. Na segunda prova queríamos ter a oportunidade de testar um formato diferente”, finalizou.

Paddockast #67 | Barrichello melhor que Schumacher?
Ouça também: PODCASTS APPLE | ANDROID | PLAYERFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube