Diretor-técnico da Williams lamenta por Ricciardo, mas defende punições “robustas” impostas por comissários na F1

Diretor-técnico da Williams, Paddy Lowe lamentou que Daniel Ricciardo tenha sofrido uma punição em sua corrida de casa, mas defendeu as penas “robustas” impostas pelos comissários

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Diretor-técnico da Williams, Paddy Lowe saiu em defesa dos comissários da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) e apoiou a aplicação de penas “robustas”. O dirigente lamentou a sanção sofrida por Daniel Ricciardo na Austrália, mas avaliou que é preciso ser firme em questões relacionadas à segurança.
 
Por andar acima da velocidade permitida quando o TL2 já estava paralisado, Ricciardo perdeu três postos após o treino classificatório para o GP da Austrália. O piloto da Red Bull ficou revoltado com a decisão, que classificou como “uma merda”.
Paddy Lowe defendeu punições robustas aplicadas na F1 (Foto: Williams)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“Lamento por Ricciardo por aquele incidente em particular, porque parece muito duro quando é sua corrida de casa”, disse Lowe. “Nós sempre aparecemos com essas coisas, mas, na realidade, um dos temas dos comissários é que eles são frequentemente criticados por serem inconsistentes, e acho que quando diz respeito à segurança, eu, na verdade, apoio os comissários por serem bastante robustos com as penalidades”, seguiu.
 
“Você não pode ter esse tipo de concessões, porque no minuto em que disser: ‘É a primeira corrida, era uma regra nova e ninguém estava pronto para isso, então vamos deixar você escapar’, isso significa que você tem de deixar o próximo cara escapar também”, ponderou. “Você começaria a cavar um buraco do qual não poderia sair. No fim, é uma questão de segurança e, se fosse na corrida, sabemos como funcionaria. Você controlaria de forma muito diligente para que não sofresse uma punição. É o trabalho a fazer”, concluiu.
 
"RIDÍCULO E LEVIANO"

AJUDA DELIBERADA DA HAAS À FERRARI? NÃO FAZ SENTIDO ALGUM

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube