Diretor-técnico põe Wehrlein na lista de suplentes de Rosberg, mas vê Mercedes com “muitos aspectos” para avaliar

Diretor-técnico da Mercedes, Paddy Lowe não descartou Pascal Wehrlein da disputa pelo posto de substituto de Nico Rosberg. Dirigente, entretanto, destacou que o time ainda tem muito para analisar antes de fazer sua escolha

 

Diretor-técnico da Mercedes, Paddy Lowe não descarta ter Pascal Wehrlein como substituto Nico Rosberg. O campeão de 2016 anunciou sua aposentadoria da F1 na última sexta-feira com efeito imediato.

 
Com a saída repentina de Rosberg, a Mercedes, apesar de ser a força dominante da F1, ficou sem poucas opções para formar dupla com Lewis Hamilton, já que boa parte dos pilotos do grid já tem contratos para o próximo ano.
 
Pupilo da Mercedes, Wehrlein estreou na F1 pela Manor em 2016 e fez uma boa temporada, mas acabou preterido por Esteban Ocon na disputa por uma vaga na Force India. Mesmo assim, o germânico garante que está pronto para assumir o posto ao lado do #44.
Paddy Lowe não descartou Wehrlein como substituto de Rosberg (Foto: Mercedes)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Na visão de Lowe, a Mercedes ainda precisa completar “vários estudos” antes de definir o substituto de Rosberg, mas não vê Wehrlein, que é reserva do time desde 2014, fora do páreo.
 
“Não é uma conclusão precipitada. Vamos ver quem está disponível e analisar”, disse Lowe. “Têm alguns aspectos diferentes, vamos olhar para a forma anterior e para o que podemos esperar em termos de performance e consistência”, seguiu.
 
“Ser rápido é uma coisa, mas você pode pontuar toda semana? Eu só quero alguém que possa pontuar da forma como Nico fez”, defendeu.
 
Apesar de inúmeros rumores apontando para uma aproximação da Mercedes com nomes já estabelecidos do esporte, como Sebastian Vettel e Fernando Alonso, por exemplo, Lowe acredita que é mais provável que a equipe de Brackely foque em pilotos que estão “de fato disponíveis”.
 
“A primeira parte do processo vai ser descobrir qual é a lista, aí faremos a nossa análise”, declarou. “Acho que vamos dar uma olhada nos candidatos que estão de fato disponíveis”, continuou.
 
“O medo, de um lado, é que se não pudermos encontrar um piloto decente para substituir o Nico, se tivermos um carro forte, podemos ter um piloto escapando, o que seria bom para nós, mas não seria bom para o show”, ponderou.
 
Além disso, Paddy não se mostrou preocupado com a perspectiva de expor um jovem piloto à pressão de uma equipe de ponta.
 
“Esse aspecto não me preocupa muito, porque, pela minha experiência, pilotos de ponta tendem a subir nessa plataforma e ter uma performance quase melhor do que quando você dá a eles um contexto melhor no qual fazer isso”, avaliou. “Os pilotos se destacam quando você os coloca em um ambiente melhor, mas ainda existe um risco e nós vamos precisar avaliar isso”, comentou.
 
“Além de todos esses aspectos técnicos e analíticos, tem aspectos mais suaves a serem considerados, como o que se ajusta à companhia e seus valores, e o que eles estão tentando fazer pelo time”, concluiu.
fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube