Efeitos (e problemas) das novas regras no começo da temporada de 2022 da Fórmula 1

Como as equipes e pilotos da Fórmula 1 2022 estão lidando com o novo regulamento técnico da categoria, que revolucionou o esporte? É o tema do vídeo de hoje

A Fórmula 1 passou uma revolução técnica para a temporada de 2022. Novos conceitos aerodinâmicos, volta do efeito solo, pneus maiores… tudo para facilitar ultrapassagens e apimentar corridas. Depois de duas etapas – no Bahrein e na Arábia Saudita – o que se vê, no entanto, não é necessariamente 100% positivo.

As equipes lidam com muitos problemas mecânicos, justamente por conta da mudança brusca no regulamento – os times, portanto, precisam ainda ‘acertar a mão’ no que diz respeito às configurações dos carros. Além disso, ultrapassagens aparentam estar mais complicadas – ainda que a aproximação facilitada e a redução no despejamento de ar sujo, de fato, estejam acontecendo.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

No vídeo de hoje, o repórter Felipe Leite fala sobre os efeitos das novas regras nos carros e analisa o começo da F1 2022. Confira!

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar