Elogio de Hamilton a desempenho de Rosberg no México termina com provocação: “Não teve rajada de vento”

O clima bélico na Mercedes está aparecendo cada vez com mais força. Agora, após elogiar a vitória de Nico Rosberg, Lewis Hamilton ironizou a desculpa do rival pelo erro no GP dos EUA, dizendo que, no México, Rosberg não sofreu com a rajada de vento para perder a vitória

O clima na Mercedes definitivamente não é dos melhores. Quando a paz parecia voltar com Lewis Hamilton exaltando a performance de Nico Rosberg no GP do México deste domingo (1), o tricampeão ironizou o companheiro de equipe, dizendo que, desta vez, não teve rajada de vento que causou erro do alemão.
 
Para quem não sabe ou não se lembra, Rosberg assumiu o erro que lhe custou a vitória no GP dos EUA, mas justificou que parte da falha foi causada por uma rajada de vento muito forte que atingiu seu carro naquele momento em Austin. Aproveitando a brecha, Hamilton provocou o companheiro na coletiva pós-corrida.
Nico Rosberg, Lewis Hamilton e a Mercedes comemoram dobradinha no GP do México (Foto: Getty Images)
"Nico guiou muito bem hoje. Não cometeu erros, não teve rajada de vento", disse.
 
Após a coletiva, Rosberg participou de um pós-prova da emissora britânica 'Sky Sports'. Mais uma vez, afirmou que o erro em Austin foi todo dele.
Nico Rosberg conquistou a quarta vitória em 2015 no México (Foto: Getty Images)
"Aquilo foi um erro meu, não há dúvidas disso. Eu não coloquei a culpa em nada", garantiu.
 
A vitória no GP do México foi a quarta de Rosberg no ano, que também em terras latinas fez sua quinta pole em 2015. O alemão tem 272 pontos, 73 a menos que o companheiro de equipe.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube