Em Singapura, Ferrari volta a vencer três corridas consecutivas depois de 11 anos

Desde a temporada 2008, com Kimi Raikkonen e Felipe Massa, que a equipe italiana não ganhava três etapas consecutivas. A vitória de Sebastian Vettel em Singapura, neste domingo (22), ainda quebra outros dois hiatos. Já a Mercedes registra um jejum negativo

A Ferrari chegou a Singapura, para o GP realizado neste domingo (22), como o time azarão, devido à falta de performance da equipe em pistas que exigem muito downforce do carro. Mas acabou surpreendendo os rivais, conseguindo não apenas a pole-position como a vitória na corrida. A dobradinha, com Sebastian Vettel em primeiro e Charles Leclerc em segundo, foi bastante comemorada pela equipe e, de quebra, terminou com alguns jejuns incômodos para a Ferrari.
 
Fazia 11 anos que a Ferrari não tinha uma sequência bem-sucedida como essa. Na última vez, em 2008, a equipe conseguiu quatro vitórias consecutivas. Foram duas de Kimi Raikkonen, na Malásia e na Espanha e duas de Felipe Massa, no Bahrain e na Turquia. No final daquela temporada, a equipe de Maranello terminou com o mundial de construtores, enquanto Felipe Massa perdeu o título para Lewis Hamilton após um caótico GP do Brasil.
O pódio do GP de Singapura (Foto: AFP)

Por outro lado, enquanto o GP de Singapura representou um resultado positivo para a Ferrari, sua principal rival, Mercedes, teve uma quebra de jejum incômoda neste final de semana. Desde o início da temporada de 2018 que a equipe alemã não perdia três provas consecutivas. Na época, foram duas vitórias de Vettel, na Austrália e no Bahrain e uma de Ricciardo na China. 

 
O resultado em Singapura marcou também a primeira dobradinha da equipe italiana em mais de 2 anos. Desde a vitória de Vettel, com Raikkonen terminando em segundo no GP da Hungria de 2017, que a Ferrari não conseguia um 1-2.
 
O último jejum quebrado tem a ver com o próprio vencedor da prova, Sebastian Vettel. Fazia 392 dias e 22 GPs que o tetracampeão não subia no lugar mais alto do pódio. A última vez tinha sido no GP da Bélgica, no ano passado. Na entrevista após o final da corrida, o alemão falou que as últimas semanas haviam sido particularmente difíceis, e que está feliz com o resultado que conseguiu hoje, em Singapura.
 
A Ferrari vai tentar manter sua sequência vitoriosa já na próxima semana, durante o GP da Rússia.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar