“Feliz com classificação” em Abu Dhabi, Ricciardo ressalta proximidade com Hamilton e as Williams

Quinto colocado no grid de Yas Marina, Daniel Ricciardo ressaltou que o acerto de seu carro funcionou melhor com as temperaturas mais baixas. Australiano destacou a pouca diferença em relação às Williams

Daniel Ricciardo conquistou o quinto posto no grid de largada para o GP de Abu Dhabi. Neste sábado (22), o australiano cravou 1min41s267 e fechou a sessão com 0s787 de atraso para Nico Rosberg, o pole-position. 
 
“Estou realmente feliz com a classificação”, disse Daniel. “Depois do TL3, nós tivemos um pouco de trabalho para fazer, mas sabíamos que a temperatura cairia com o pôr do sol, então ficamos otimistas de que o nosso acerto funcionaria melhor à noite e fizemos algumas mudanças pensando nisso”, explicou. 
Daniel Ricciardo se mostrou satisfeito com o acerto do RB10 (Foto: Getty Images)
Além da evolução no acerto, Ricciardo comemorou a proximidade com as Williams, já que ficou a 0s148 de Felipe Massa, o quarto no grid. 
 
“Estive mais feliz do que nunca durante a classificação”, comentou. “Nós estamos próximos das Williams e não tão longe de pelo menos uma das Mercedes, então não foi uma sessão ruim”, concluiu.
UM PASSO MUITO PEQUENO

Para quem esperava uma classificação acirrada vide o desempenho dos dois candidatos ao título nos treinos livres, as expectativas foram atendidas: Lewis Hamilton dominou as duas partes da classificação em Abu Dhabi, mas Nico Rosberg deu o bote naquela que valia, o Q3. Contando com um erro do inglês, o alemão chegou à 11ª pole do ano com o tempo de 1min40s480 e ao menos termina este sábado (22) com a consciência de que fez seu papel. O inglês terminou 0s386 atrás.

A Williams até que surpreendeu. Em todas as fases, sempre colocou Felipe Massa e Valtteri Bottas como donos de alguns dos trechos mais rápidos da pista. De qualquer forma, o finlandês sai em terceiro, logo à frente do brasileiro.

Leia a reportagem completa no GRANDE PRÊMIO.

200 MILHÕES DE DILMAS

Depois de semanas de expectativa, a Ferrari anunciou na última quinta-feira (20) a contratação de Sebastian Vettel como substituto de Fernando Alonso. O contrato com o tetracampeão válido por três anos.

Nesta sexta-feira, o jornal britânico ‘The Telegraph’ revelou que o contrato do tetracampeão com a escuderia de Maranello é de £ 150 milhões (aproximadamente R$ 600 milhões).

Leia a reportagem completa no GRANDE PRÊMIO.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube