Fórmula 1 prega cautela e avisa: “Não estamos fazendo planos para os fãs”

Diretor-esportivo da F1, Ross Brawn citou otimismo de alguns promotores, mas avaliou que ainda é cedo para pensar em corridas com público. Dirigente frisou que não quer correr o risco de dar um passo e depois ter de voltar atrás

A Fórmula 1 não quer dar passos maiores do que as pernas na temporada 2020. Diretor-esportivo do Mundial, Ross Brawn avaliou que é cedo para falar na presença dos espectadores.

Assim como a maioria dos esportes, a F1 teve de paralisar suas atividades por conta da pandemia do novo coronavírus. A retomada está marcada para 5 de julho, na Áustria, mas num esquema completamente diferente do habitual: sem a presença dos espectadores, mantendo o distanciamento social e com o uso de equipamentos de proteção.

F1 2019 Estados Unidos Austin Ferrari Sebastian Vettel
Sebastian Vettel pode se despedir da Ferrari distante do público (Foto: Ferrari)
Paddockast #65 | As ideias esdrúxulas de retorno/As boas ideias de Lewis Hamilton
Ouça também: PODCASTS APPLE | ANDROID | PLAYERFM

Apesar da retomada, a pandemia segue por aí, ainda que em diferentes níveis em cada continente. Mesmo assim, alguns promotores já especulam a possibilidade de contar com torcedores nas arquibancas, uma ideia ainda rejeitada pela F1.

“Não estamos com pressa”, disse Brawn em entrevista à publicação belga La Derniere Heure. “Alguns organizadores europeus estão sendo um pouco otimistas, já que ainda não estamos fazendo planos para os fãs. A coisa mais importante é que possamos fazer nossas corridas num ambiente seguro”, defendeu.

“Nós viajamos ao redor do mundo e não podemos simplesmente nos dar ao luxo de ter problemas que nos impediriam de viajar para outros países. Vamos, conscientemente, lidar com isso muito lentamente”, avisou. “Não queremos dar um passo como este e ter de voltar atrás”, explicou.

O dirigente admitiu que é possível que alguma das corridas fora da Europa conte com a presença de fãs, mas alertou que isso “não está nada garantido”.

“O fato de podermos correr com portões fechados é crucial para o início da nossa temporada. A situação com o vírus é muito diferente ao redor do mundo, então quando ficou claro que poderíamos começar sem os espectadores, isso nos deu muito mais opções”, comentou. “Obviamente, isso não é o ideal para nenhum esporte, mas é melhor ter as corridas sem fãs do não ter corrida nenhuma”, concluiu.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO? Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.
Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.
Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube