Russell diz que Mercedes “exagerou” em mudanças: “Frente do carro não obedece”

George Russell afirmou que a Mercedes passou do ponto nas mudanças para o W15. Se antes a traseira do bólido era arisca, agora é a frente do carro que não obedece aos pilotos

George Russell não está satisfeito com as mudanças que a Mercedes têm aplicado no W15. De acordo com o britânico, a equipe passou do ponto nas modificações e encontrou novos pontos fracos no carro. Afinal, se o maior problema dos antecessores se concentrava na traseira arisca, o modelo de 2024 tem uma dianteira que não obedece. Com isso, os pilotos seguem sofrendo com o desempenho ao longo das corridas

A Mercedes terminou a temporada 2023 da Fórmula 1 em segundo lugar no Mundial de Construtores, mas está muito longe de repetir o feito em 2024. Passadas seis etapas, a esquadra liderada por Toto Wolff teve como melhor resultado o quinto lugar de Russell no GP do Bahrein. Entre as equipes, os alemães ocupam a quarta posição com 64 pontos somados.

Relacionadas


Russell ainda afirmou que a Mercedes exagerou nas mudanças aplicadas no W15 e agora o carro está pior que seus antecessores. Por isso, é preciso encontrar um meio-termo entre o que foi visto no passado e o que se tem em 2024.

“Acho que temos de aceitar, como equipe, que brigar pelo sétimo e pelo oitavo lugar é a nossa realidade. Mas agora está bastante claro quais mudanças precisamos fazer para melhorar o carro. Tivemos alguns problemas no ano passado e a equipe trabalhou muito para corrigir tudo. Mas acho que passamos um pouco do ponto com as mudanças e fomos longe demais”, apontou George.

Mercedes ocupa apenas a quarta posição no Mundial de Construtores (Foto: AFP)

“Os problemas que Lewis [Hamilton] e eu enfrentamos no ano passado foram com uma traseira muito arisca. E agora, de repente, estamos lutando para virar o carro nas curvas de baixa velocidade. A dianteira não obedece. Então, acho que fomos para outro extremo com o W15 e precisamos encontrar um meio-termo do que tivemos no passado e do que temos agora”, finalizou Russell.

Fórmula 1 retorna neste fim de semana, de 17 a 19 de maio, em Ímola, para o GP da Emília-Romanha. E o GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades AO VIVO EM TEMPO REAL.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube:GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.