Haas se vê como ambiente chamativo e diz que “há pilotos interessados” para 2020

Apesar de temporada ruim, Guenther Steiner crê que a Haas ainda é um ambiente chamativo para pilotos que buscam uma vaga na Fórmula 1. Chefe de equipe também falou sobre o "dominó" que segura as ações do mercado de pilotos para 2020

A Haas vive um 2019 ruim. Além dos problemas no carro, a dupla formada por Romain Grosjean e Kevin Magnussen também vive má fase, o que abre as discussões sobre quem deve assumir os postos no time americano na próxima temporada.
 
Apesar da situação pouco chamativa, com o modesto nono lugar entre os construtores, o chefe de equipe Guenther Steiner acredita que a Haas ainda é atraente para alguns pilotos do grid.
 
"Você sempre terá problemas na corrida, e acho que as pessoas estão vendo que entendemos e trabalhamos duro para entender o que está acontecendo. As pessoas ainda estão interessadas em pilotar aqui, porque eles nos enxergam como um time, não somos fracos. Temos problemas, mas trabalhamos forte em cima deles. Somos muito transparentes com isso, não estamos tentando achar desculpas para o que acontecer”, disse em entrevista ao site inglês ‘Crash.net’.
Kevin Magnussen (Foto: Haas)

A Haas ainda não se movimentou no mercado para 2020, e para Steiner, tudo depende da primeira peça do dominó da Fórmula 1 que vai cair. Apesar de não citar nomes, tudo indica que o chefe se referiu a situação da Mercedes, que ainda escolhe entre Valtteri Bottas e Esteban Ocon para assumir o carro no ano que vem.

 
"É como todo ano. Uma peça do dominó cairá e a outras cairão também, porque tem muito pouco movimento no momento. Todos sabem quem é o primeiro a se mover, e as outras peças vão cair. Talvez ninguém mude e nada caia, mas no momento, nada mudou, e até algo mudar, muita coisa vai acontecer. Existem alguns pilotos com o contrato para renovar. Se eles confirmarem a renovação, bem difícil que as coisas mudem", completou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube