Hamilton faz ‘live’ na pista, reclama do mau tempo e sugere treinos no sábado e classificação no domingo

Lewis Hamilton comprovou sua condição de grande astro da F1 atual. Mesmo durante um treino livre que não aconteceu, o britânico foi o centro das atenções ao fazer ‘live’ nas redes sociais e ir para a galera para distribuir bonés aos fãs. Em seguida, reclamou do mau tempo em Xangai e sugeriu mudanças no cronograma do fim de semana: treinos livres no sábado; classificação e corrida no domingo

 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Definitivamente, Lewis Hamilton é o grande astro da F1 na atualidade. E o tricampeão do mundo provou sua condição durante o segundo treino livre do GP da China que, na prática, não aconteceu. O mau tempo e a densa neblina na região de Xangai impediu que o helicóptero médico pudesse aterrissar no hospital mais próximo. Assim, não houve condição para que a F1 realizasse a sessão na tarde desta sexta-feira (7) em Xangai. Hamilton, então, aproveitou para literalmente ir pra galera e fazer um ‘live’ nas redes sociais, ideia impensável na ‘Era Bernie Ecclestone’, encerrada em janeiro deste ano.

 
Como forma de entreter o público, o piloto da Mercedes foi para perto dos valentes fãs nas arquibancadas do circuito de Xangai, autografou e distribuiu bonés. Depois, voltou às redes sociais para expressar sua opinião sobre a sexta-feira conturbada e praticamente sem ação na pista. Lewis, por exemplo, completou apenas duas voltas no treino da manhã e não registrou tempo.
 
No Twitter, Hamilton lamentou pela falta de ação na pista causada pelas condições climáticas e sugeriu mudanças no cronograma do fim de semana do GP da China.
 
“Sinto por todos vocês que assistiram na TV ou aqui na pista. Devemos encontrar uma solução para lidar com a questão meteorológica”, alertou o tricampeão do mundo, que mostrou um caminho para a sequência dos trabalhos em Xangai.
 
“Programação de sábado: três sessões de treinos. Classificação no domingo pela manhã e depois a corrida. Falando sério, essa poderia ser realmente uma bênção disfarçada. Uma chance para os novos donos serem proativos e criativos”, intimou.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Contudo, a ideia de Lewis esbarra nas condições climáticas para domingo. A previsão do tempo aponta boas chances de chuva para o dia do GP da China. Contudo, se o cenário foi o mesmo desta sexta-feira, sobretudo com a densa neblina, não haverá chances de a prova ser realizada. No paddock, já circulam sugestões para que a disputa aconteça no sábado, mas a FIA (Federação Internacional de Automobilismo) descartou veementemente a antecipação da corrida na China.

Em seguida, Hamilton falou à Mercedes, que divulgou uma avaliação do seu dia de trabalho em Xangai. “Obviamente, não foi um grande dia. Fiz apenas uma volta com os pneus de pista molhada em 2017 neste ano e, pelo que eu poderia dizer nesta volta, eles parecem muito com os do ano passado, então não tenho nenhuma preocupação específica sobre isso. Mas há um cenário maior hoje. A pista esteve absolutamente boa e poderíamos ter rodado o dia inteiro hoje sem nenhum problema se não fosse pelas nuvens”, afirmou.
 
Lewis voltou a pedir por soluções alternativas para evitar que os fãs fiquem o dia todo na pista e não tenham a chance de ver carros na pista. “Não é legal para os fãs na TV e pior ainda para todos aqueles que estavam nas arquibancadas, que pagaram dinheiro para vir aqui à cidade, ou mesmo de outros países. Eles mal viram um carro na pista hoje, o que deve ser complicado para eles. Precisamos trabalhar junto com a FIA e a FOM para encontrar uma solução e um plano alternativo quando tivermos circunstâncias como essa no futuro”, disse o tricampeão.
Companheiro de equipe de Hamilton, Valtteri Bottas também se mostrou bastante sentido pelos fãs chineses após a sexta-feira bastante atípica em Xangai.
 
“Lamento muito pelos fãs, antes de mais nada. Todo mundo veio nos ver nos treinos hoje, mas não vi ninguém fazer mais do que duas voltas no primeiro treino, o que é uma pena. Prometo que vamos fazer tudo o que for possível para tornar a classificação emocionante para eles amanhã e, especialmente, no dia da corrida. Muito obrigado a todos os fãs leais por seu apoio”, declarou o finlandês, que completou apenas seis voltas e terminou o primeiro treino em 11º lugar.
 
“O tempo amanhã parece ser bom, felizmente. Se estiver molhado no sábado ou no domingo, não é um grande drama. Temos um pouco de informação sobre os pneus intermediários, mais ou menos o mesmo que qualquer outra equipe, então estamos todos na mesma situação. As condições no seco vã ser o ponto de interrogação neste momento, por isso espero que possamos rodar um pouco no seco no terceiro treino livre amanhã pela manhã”, emendou.
 
No fim das contas, a decisão sobre a programação do fim de semana em Xangai é, de certa forma, o primeiro grande desafio do Liberty Media nesta sua nova gestão à frente da F1.
 
O GP da China, o segundo do campeonato, acontece neste fim de semana, e o GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades em Xangai AO VIVO e em TEMPO REAL.
 

PADDOCK GP #72 TRAZ ÁTILA ABREU E DISCUTE ETAPAS DA STOCK CAR, F1, INDY E MOTOGP

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube