F1

Hamilton sofre perda hidráulica, abandona Q1 da classificação na Alemanha e se desespera

Lewis Hamilton viu o treino classificatório para o GP da Alemanha virar um pesadelo ao final do Q1. O tetracampeão mundial estava classificado, mas viveu um problema que percebeu originalmente na marcha. A Mercedes respondeu que se tratava de uma questão hidráulica e recomendou que o inglês desse o dia por encerrado
Warm Up, de Hockenheim / PEDRO HENRIQUE MARUM, de Hockenheim
 Lewis Hamilton tem problemas e empurra a Mercedes durante o TL1 (Foto: Reprodução)

As chances de Lewis Hamilton vencer a corrida na casa de Sebastian Vettel diminuíram bastante na manhã deste sábado (21). O tetracampeão mundial parou na pista no final do Q1 com problemas hidráulicos e abandonou a sessão.
 
Hamilton estava na quinta colocação do Q1, atrás da dupla da Ferrari, do companheiro Valtteri Bottas e de Romain Grosjean, quando tentava encaixar um último giro. 
 
Com o carro parando, relatou no rádio da equipe que "as marchas não estão mudando" e completou: "Ai, meu Deus". Em resposta, a Mercedes relatou que havia uma perda hidráulica.


Hamilton queria ao menos levar o carro de volta aos boxes, mas a Mercedes ordenou que ele não tentasse e apenas encostasse o bólido desse o dia na pista por encerrado. Desesperado, Lewis saiu do carro e se agachou ao lado agarrado ao halo.
 
O GRANDE PRÊMIO acompanha o GP da Alemanha 'IN LOCO' e segue todas as atividades AO VIVO e TEMPO REAL.