Irritado após fechada, Schumacher dispara contra Mazepin: “Ele quer nos matar”

Apesar de ter obtido a melhor colocação em corridas da temporada, o clima na Haas azedou. Mick Schumacher se revoltou com manobra perigosa de seu companheiro de equipe, Nikita Mazepin

Fechado por Mazepin no fim do GP do Azerbaijão, Schumacher dispara: “Ele quer nos matar?” (Vídeo: Reprodução)

Passado o GP do Azerbaijão deste domingo (6), o clima na Haas não é dos melhores. Mick Schumacher reclamou ostensivamente da atitude de seu companheiro de equipe, Nikita Mazepin, que deu uma fechada no alemão poucos metros antes da linha de chegada, quase causando um grave acidente. Via rádio, o alemão não poupou críticas à atitude do companheiro, já minimizada pela Haas. 

“Que porra foi essa? Sério, ele quer nos matar”, indagou Schumacher. 

“Entendido, Mick. Bandeira quadriculada”, respondeu o engenheiro.

Após a corrida, Mazepin se pronunciou sobre o caso e justificou que estava chateado no momento por ter perdido o 13° lugar para o companheiro de equipe. “O principal foi que eu estava um pouco chateado por ter perdido minha posição para o companheiro de equipe na reta principal. Eu fiquei sem bateria nesse momento e me tornei passageiro. Mas foi isso que aconteceu.”

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

MICK SCHUMACHER; NIKITA MAZEPIN; HAAS; GP DO AZERBAIJÃO; BAKU;
Nikita Mazepin fechou Mick Schumacher na linha de chegada. O alemão criticou duramente o colega de Haas (Foto: Reprodução)

“Creio que foram boas posições para a equipe, mas obviamente algumas situações inesperadas aconteceram com outros pilotos, o que nos possibilitou chegar nestas posições. No geral, foi bem positivo”, analisou.

“A corrida em si não foi ruim. Muito chata por conta de algumas coisas que nos fizeram ficar atrás. O ritmo estava ali, mas tive que tentar algumas coisas pois estava cuidando os freios desde o começo. Eles estavam superaquecendo. Eu tive que mudar minha configuração de freios e fiquei muito sujeito a travar as rodas. Eu quase bati no muro, o que me fez perder muito tempo”, concluiu.

Mesmo com a polêmica, a Haas celebrou a 13ª posição de Mick Schumacher e o 14º lugar de Mazepin, que até o momento, foram os melhores resultados da equipe norte-americana no campeonato. A escuderia ultrapassa a Williams e deixa a lanterna no Mundial de Construtores.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar