Kubica cita problemas persistentes com carro da Williams e reconhece: “Ritmo simplesmente não é bom o suficiente”

Piloto de testes da Williams, Robert Kubica reconheceu que os problemas da equipe permanecem os mesmos desde a pré-temporada. Polonês admitiu que o time britânico não tem um ritmo bom o suficiente

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

A situação da Williams não é nada boa no início da temporada 2018 da F1. Depois de um abandono e um 14º lugar na Austrália ― conquistado por Lance Stroll ―, o time de Grove não conseguiu nada melhor no Bahrein, com o canadense e Sergey Sirotkin aparecendo em 14º e 15º, respectivamente.
 
Chefe do time, Claire Williams saiu em defesa dos pilotos do time e avaliou que todo piloto de novato precisa de um tempo para se adaptar.
Robert Kubica reconheceu que a Williams não tem um bom carro (Foto: Williams)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“Nós precisamos ver como a temporada vai correr, mas acho que qualquer novato deve ter um tempo”, disse Claire. “Nós acreditamos que é importante apoiar jovens talentos”, defendeu.
 
 
Piloto reserva e único experiente do time, Robert Kubica evitou responsabilizar Stroll e Sirotkin pelos problemas e reconheceu que a Williams tem um carro problemático.
 
“Nosso ritmo simplesmente não é bom o suficiente”, disse Kubica em entrevista à emissora austríaca ORF. “Nós já podíamos ver nos testes de Barcelona que tínhamos problemas”, reconheceu.
 
“Lance fez um bom trabalho em Melbourne, mas os problemas permanecem os mesmos”, frisou. “Felizmente, nós sabemos no que precisamos trabalhar”, concluiu.
 
CEDO DEMAIS?

ALONSO ENTRA NO ‘MODO EMPOLGOU’ ANTES DO TEMPO

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube