Kubica negocia com Alfa Romeo para ser piloto de desenvolvimento em 2020

A Alfa Romeo é a equipe que está mais próxima de um acordo com Robert Kubica para o cargo de piloto de desenvolvimento em 2020. De acordo com o site inglês 'Racefans.net', as conversas estão avançadas

Após deixar a Williams como piloto titular e testar pela BMW no DTM, Robert Kubica agora negocia com três equipes para se tornar piloto de desenvolvimento durante a temporada 2020. A Alfa Romeo, entretanto, é aquela que desponta como a principal favorita para receber o polonês.
 
A informação é do site inglês 'Racefans.net'. De acordo com o veículo, Kubica também conversa com a Haas – essa informação mais conhecida – e com a Racing Point sobre um possível acordo. 
 
O empresário de Kubica é Alessandro Alunni Bravi, que também serve como diretor da Islero Investments, a companhia-mãe da Sauber, que ainda opera a equipe atualmente sob controle da Alfa Romeo. 
Robert Kubica (Foto: Williams)
Kubica, é claro, foi piloto da Sauber nos tempos de parceria com a BMW, entre 2006 e 2009, e foi por lá, em 2008, que obteve a única vitória dele na F1.
 
O veículo destaca ainda que a Orlen, petroquímica polonesa que apoia o piloto, seguirá junto dele na costura do acordo. Com o fim do contrato de fornecimento de combustível com a Shell e a fusão do Grupo Fiat Chrysler – dono de Alfa Romeo e Ferrari – com o Grupo PSA, a Orlen tem chances até de competir para ser a nova fornecedora.
 
Aos 35 anos de idade, Kubica retornou para a F1 em 2018, como piloto reserva da Williams, após sete anos afastado. Em 2019, foi titular, marcou o único ponto da equipe de Grove, mas não impressionou.
 

Paddockast #46
OS 10 MELHORES PILOTOS DA DÉCADA

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube