carregando
F1

Leclerc torce por renovação de Vettel com Ferrari: “Sempre foi uma relação boa”

Mesmo com algumas polêmicas na pista, Charles Leclerc quer a permanência do tetracampeão Sebastian Vettel, que recusou a primeira proposta de renovação de contrato feita pela Ferrari. Monegasco também elogiou o desejo de Lewis Hamilton em ficar na Mercedes

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas
Apesar da interrupção da temporada 2020 da Fórmula 1 por conta da pandemia do coronavírus, o embargo da renovação de contrato do tetracampeão mundial Sebastian Vettel com a Ferrari vem ganhando atenção dos fãs e manchetes ao redor do mundo.
 
Vettel está em Maranello desde 2015, mas não gostou da proposta recebida, com grande corte salarial e duração de apenas uma temporada, diferente dos acordos assinados anteriormente. Companheiro de equipe do alemão e garantido na Ferrari à longo prazo, Charles Leclerc se posicionou a favor da extensão do vínculo.
 
"Eu sou feliz com Seb. Acho que é positivo, mesmo com alguns problemas na pista como no Brasil. Acho que sempre foi uma relação boa, mesmo com pessoas de fora achando que não é. Serei feliz caso ele fique, mas respeito a decisão e qualquer um que estiver ao meu lado", declarou o monegasco de 22 anos ao site norte-americano ‘Motorsport.com’.
Charles Leclerc chegou a ter acidente com Vettel na pista, mas prefere a permanência do alemão (Foto: AFP)
Reportagens de veículos italianos como ‘La Gazzetta dello Sport’ e ‘Sky Sports Italia’ revelaram que a Ferrari trabalha com as possíveis contratações de Daniel Ricciardo, Carlos Sainz Jr. e Antonio Giovinazzi. Leclerc afirmou não ver problema na chegada de um companheiro diferente, apesar da preferência por Vettel.
 
"É meu trabalho me adaptar com meu companheiro. Você sempre pode aprender mais. Eu receberia qualquer um, mas se Seb ficar, definitivamente ficarei feliz", seguiu o piloto, dono de duas vitórias na Fórmula 1.
 
Hexacampeão mundial, Lewis Hamilton tem contrato expirante com a Mercedes e foi bastante ventilado na Ferrari no início do ano, mas as conversas esfriaram após o inglês comentar que prefere pela permanência no "time dos sonhos". Para Charles, o piloto acerta na decisão por se sentir mais confiante na equipe de Brackley.
 
"Estou feliz por ele se realmente acha isso e se sente bem no lugar correto. Eu estou feliz onde estou. A equipe dos meus sonhos sempre foi a Ferrari, só quero levar o time ao lugar que merece", completou.
 
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.