Massa se diz confiante em permanecer na Williams e vê Bottas como “nome mais importante” do mercado de pilotos da F1

Felipe Massa falou sobre a futura formação do grid em 2016 na F1 e disse que o companheiro de Williams Valtteri Bottas representa o elemento chave do mercado de pilotos. “É um dos nomes mais importantes”, disse o brasileiro, que se mostrou também confiante em permanecer por mais uma temporada na equipe inglesa

Felipe Massa foi categórico ao falar da possível formação do grid para a temporada 2016 da F1 e vê o companheiro de Williams Valtteri Bottas como "um dos nomes mais importantes" do mercado de pilotos neste ano. Para o brasileiro, o jovem finlandês é o elemento chave das negociações em 2015.

O contrato entre Bottas e a equipe inglesa acaba ao fim da temporada. E o bom desempenho dos últimos anos já o coloca na mira da Ferrari, que ainda não sabe se vai exercer ou não a opção de renovação com Kimi Räikkönen. Além de Valtteri, Nico Hülkenberg e Daniel Ricciardo também estão cotados para a vaga do campeão de 2007, de acordo com as várias especulações na imprensa europeia nesta primeira metade de campeonato.

Valtteri Bottas e Felipe Massa dividem a equipe Williams desde o ano passado (Foto: Getty Images)

"Acho que ele é um dos nomes mais importantes no mercado de pilotos", afirmou Massa. "Ele já mostrou que é um bom piloto, tem talento para guiar em uma equipe de ponta e provou do que é capaz, qualquer que seja o time. E é por isso que as demais equipes estão interessadas nele", completou.

"Mas não podemos esquecer que ele também tem a opção de permanecer aqui, então só precisamos entender o que pode acontecer. Eu não sei se ele vai ou não. Agora, é uma questão de esperar para ver", acrescentou Felipe.

O dono do FW37 #19 também falou sobre seu próprio futuro na F1 e se disse confiante em ficar por mais um ano na Williams. "Estou feliz onde estou", declarou o piloto. "Eu realmente gosto deste time. Eles me respeitam muito, eu me sinto mais relaxado aqui, e nós temos conseguido obter bons resultados, então não vejo razão para que as coisas mudem", emendou o veterano.

"Nós temos uma opção para o próximo ano e não vejo motivo para que não possamos exercê-la, por isso não me interessei em falar com nenhum outro time. Os resultados são sempre melhores quando se está contente e confortável. Eu me sinto feliz aqui e acho que estamos fazendo um bom trabalho", ressaltou Felipe.

Até o momento, a Williams é a terceira colocada no Mundial, com 151 pontos, 220 a menos que a Mercedes. Ainda assim, a equipe inglesa já soma dois pódios em 2015, com o terceiro de Bottas no Canadá e a mesma posição de Massa na Áustria.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube