Massa se vê competitivo e reitera desejo de seguir na F1 em 2018: “Ficaria feliz em continuar com o que sempre quis fazer”

Felipe Massa voltou a falar de seus planos para a temporada 2018 e deixou claro o desejo de seguir competindo. Brasileiro se despediu da F1 no fim do ano passado, mas voltou após uma breve aposentadoria para assumir a vaga de Valtteri Bottas na Williams após a mudança do finlandês para a Mercedes

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Felipe Massa parece mesmo ter colocado uma pedra no assunto aposentadoria. Depois de encerrar uma breve pausa na carreira para retornar à Williams, o brasileiro reiterou o desejo de seguir competindo na F1 na próxima temporada.
 
Massa se despediu da F1 em 2016, mas acabou convocado pela Williams após uma breve aposentadoria para ocupar a vaga que era de Valtteri Bottas ao lado de Lance Stroll após o finlandês ser chamado pela Mercedes para o lugar do campeão Nico Rosberg. Agora, o brasileiro não tem uma nova data para encerrar a carreira no Mundial.
Felipe Massa deixou para trás aquele papo de aposentadoria (Foto: Xavi Bonilla/Grande Prêmio)

Em uma coluna no site ‘Motorsport.com’, Massa afirmou que é normal que este ponto da temporada comece a levantar questionamentos sobre o próximo ano e não fugiu do tema. Se sentindo competitivo, o brasileiro acredita que pode seguir no esporte.

 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“Conforme o meio da temporada se aproxima, é inevitável que as conversas comecem a mudar para 2018, e eu já comecei a responder perguntas da imprensa em relação aos meus planos para o futuro — e, especialmente, para o ano que vem”, escreveu Massa. “Me sinto bem, estou feliz fazendo o que estou fazendo e tenho uma ótima relação com toda organização da Williams. Além disso, acima de tudo, sei que ainda sou competitivo, que é o que mais importa”, seguiu.
 
“Então, nessa base, ficaria feliz em continuar com o que eu sempre quis fazer — que é correr na F1”, indicou. “Por enquanto, no entanto, estou apenas olhando para a corrida na pista de Baku, que é uma praça onde nosso carro deve ir bem. No ano passado, o resultado foi positivo, e acho que mais uma vez o circuito vai cair bem ao nosso desafiante de 2017”, concluiu.
PADDOCK GP #82 TEM PRESENÇA DE ALEX BARROS

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube