Verstappen celebra bom início no México, mas garante: “Nunca estamos satisfeitos”

Max Verstappen liderou o TL2 do GP da Cidade do México e saiu confiante, mas não satisfeito. O holandês garantiu que a Red Bull segue sempre atrás de algo mais no carro, mas que o início é promissor

Max Verstappen dominou o segundo treino livre e confirmou o favoritismo no GP da Cidade do México. Nesta sexta-feira (5), após um TL1 discreto, o holandês virou 1min17s301, colocando 0s424 em cima do resto do pelotão, mais precisamente em cima de Valtteri Bottas. Lewis Hamilton ficou mais de 0s5 atrás de Max.

Só que, mesmo sabendo que o carro da Red Bull está bom no início do fim de semana, o holandês deixou claro que o time não fica satisfeito nunca, sempre atrás de melhora na performance. Ainda, explicou o TL1 menos efetivo dos austríacos.

“Foi um dia muito bom. A gente sempre tenta melhorar o carro, aprender a como deixá-lo melhor. No TL1, a pista estava muito suja, o TL2 foi mais legal nesse aspecto. O carro rendeu bem, mas ainda há muito o que melhorar, mesmo que já esteja bom”, disse.

Max Verstappen puxou o TL1 no México (Foto: Red Bull Content Pool)

De acordo com Verstappen, a Red Bull precisa crescer ainda mais o nível para a classificação. Sergio Pérez, aliás, foi só quarto colocado.

“É sempre difícil de julgar. Nós nunca estamos felizes, sempre queremos melhorar. Foi bom, mas amanhã precisaremos estar ainda melhores. Começo positivo de fim de semana”, completou.

Fórmula 1 volta a acelerar neste sábado no Autódromo Hermanos Rodríguez. O TL3 está marcado para 14h (de Brasília, GMT-3), enquanto a definição do grid de largada acontece às 17h. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar