Verstappen desbanca Bottas e põe Red Bull na frente do TL3 em Sakhir. Gasly é 3º

Quem esperava ver a Mercedes na frente nesta noite de sábado viu Max Verstappen liderar o terceiro treino livre. O holandês, que marcou 54s064, melhor tempo do fim de semana até agora, foi seguido por Valtteri Bottas e Pierre Gasly. Pietro Fittipaldi foi o 19º

Depois de uma sexta-feira marcada pelo domínio da Mercedes, Max Verstappen abriu os trabalhos da noite deste sábado (5) como líder do terceiro treino livre do GP de Sakhir. O holandês marcou 54s064 e superou Valtteri Bottas em 0s206 para colocar a Red Bull na frente. Desta vez, o finlandês se recuperou depois de um dia repleto de erros e foi bem mais rápido que George Russell, grande sensação dos trabalhos de sexta-feira como substituto de Lewis Hamilton no cockpit da Mercedes.

Destaque para Pierre Gasly, terceiro colocado com a AlphaTauri, em nova sessão marcada pela força dos carros empurrados por motor Honda. Esteban Ocon foi o quarto colocado com a Renault, seguido pela McLaren de Lando Norris. Alexander Albon, com pneus médios, colocou a outra Red Bull em sexto, seguido pela Mercedes de Russell, somente o sétimo, com 0s6 de atraso para Verstappen.

Max Verstappen destronou a Mercedes nesta noite de sábado no Bahrein (Foto: Red Bull Content Pool)

As Racing Point terminaram numa posição razoável na sessão: Sergio Pérez foi o oitavo, seguido pelo seu companheiro de equipe, Lance Stroll, enquanto a McLaren de Carlos Sainz fechou o top-10. Pietro Fittipaldi, no seu fim de semana de estreia na Fórmula 1 com a Haas, repetiu o resultado do treino livre 1 e foi o 19º colocado, menos de 0s2 atrás da Williams de Nicholas Latifi e à frente da outra Williams, do também novato Jack Aitken.

A Fórmula 1 volta a acelerar logo mais, a partir de 14h (de Brasília), com o treino classificatório que vai definir o grid de largada do GP de Sakhir de Fórmula 1. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

Saiba como foi o treino livre 3 do GP de Sakhir de Fórmula 1

Com temperatura ambiente de 25ºC e 30ºC na pista, o sábado de Fórmula 1 começou com o entardecer nublado e com Pietro Fittipaldi sendo o primeiro a deixar os boxes. Com pneus macios, o brasileiro buscou aproveitar ao máximo cada segundo na pista. Na sua primeira volta, o piloto suplente da Haas marcou 56s499, melhorando em seguida para 56s249.

Pietro, no entanto, abriu o treino sabendo que vai largar do fim do grid. Isso porque a Haas providenciou as trocas da centralina e também da bateria do carro pilotado ao longo da temporada pelo titular Romain Grosjean. Em razão das mudanças nos componentes da unidade de potência da Ferrari, Fittipaldi vai estrear em uma corrida de Fórmula 1 com uma punição no grid.

A liderança solitária de Fittipaldi na sessão durou exatos 18 minutos. Foi quando vários pilotos começaram a deixar os boxes e, naquele momento, Lando Norris virou um tempo emblemático: 55s555, com pneus macios.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

PIETRO FITTIPALDI; HAAS; F1; FÓRMULA 1; GP DE SAKHIR; TL3.
Pietro Fittipaldi abriu os trabalhos de pista nesta noite de sábado em Sakhir (Foto: Haas F1 Team)

Só que o tempo de Norris não durou muito na liderança da sessão, com Daniel Ricciardo, de pneus duros, subindo para a ponta ao registrar 55s311 antes de ser superado pela Ferrari de Charles Leclerc, com compostos macios, em 55s253.

Depois de uma sexta-feira bem ruim e cheia de erros, Valtteri Bottas assumiu a liderança após as primeiras voltas rápidas nesta noite em Sakhir. Sem maiores dificuldades, o nórdico cravou 55s010 para tomar a dianteira e era seguido por Max Verstappen, da Red Bull, e por um surpreendente Pierre Gasly, da AlphaTauri, sendo que os dois estavam com pneus duros, contra os macios de Valtteri.

Os carros empurrados por motor Honda seguem em ótima forma em Sakhir (Foto: Red Bull Content Pool)

Em seguida, foi a vez de George Russell, sensação dos treinos de sexta-feira, virar 55s cravadinho. Só que o prodígio britânico durou somente alguns segundos na liderança, já que Bottas retomou a dianteira com 54s880, 0s120 mais rápido que seu companheiro de equipe neste fim de semana. A AlphaTauri seguia andando muito bem — os carros empurrados com motor Honda como um todo — e tinha Daniil Kvyat em terceiro lugar, seguido por Verstappen e Gasly.

Para não deixar dúvidas, Bottas foi além com outra boa volta com os compostos macios já um tanto gastos. O finlandês virou 54s523, melhor tempo do fim de semana até então, e abriu 0s477 para Russell, reforçando assim sua posição como líder da sessão.

Com cerca de 20 minutos para o fim do treino, Sebastian Vettel encaixou ótima volta com os pneus macios e subiu para a segunda colocação. O tetracampeão desbancou Russell ao cravar 54s858 e ficar a 0s3 de Bottas. A performance de Seb era até surpreendente quando se leva em conta a falta de potência do motor. A Ferrari, pouco depois, informou que teria de providenciar a troca da unidade motriz de Vettel por precaução.

F1; FÓRMULA 1; GP DE SAKHIR; TREINO LIVRE 3; SEBASTIAN VETTEL;
Sebastian Vettel fez grande volta nos minutos finais do TL3 (Foto: Ferrari)

Ainda restava tempo para as últimas simulações em ritmo de classificação. Bottas calçou pneus macios novos e registrou 54s270 para confirmar sua presença como líder do terceiro treino em Sakhir mesmo com um pequeno erro na última curva do circuito barenita.

Também com pneus macios novos, Russell retomou o segundo lugar, mas ficou 0s394 atrás do companheiro de equipe, enquanto a Ferrari chegou a se colocar em terceiro e quarto, com Charles Leclerc à frente de Vettel. Restava ver os tempos dos carros da Red Bull, AlphaTauri e a Renault de Ricciardo, que tinham seus melhores tempos com pneus duros.

Com cerca de 15 minutos para a bandeirada, a noite viu outra surpresa quando Antonio Giovinazzi colocou a Alfa Romeo na terceira posição, só atrás dos carros da Mercedes. Pouco depois, Lando Norris pulou para segundo, virou tempo 0s336 mais lento que Bottas e se colocou entre os dois carros da Mercedes.

Mas tudo mudou quando as Red Bull voltaram à pista. Alexander Albon chegou a se colocar em terceiro lugar, com pneus médios, atrás de Bottas e Norris, e foi aí que Max Verstappen, de macios, virou a melhor parcial nos setores 1 e 2 e anotou 54s064 para assumir a liderança do TL3, 0s2 mais rápido que Bottas. Pierre Gasly também foi muito bem na sua volta e avançou para terceiro.

De primeiro e segundo, a Mercedes tinha Bottas como P2 e Russel sendo apenas o sétimo colocado. Já a Red Bull confirmou o bom momento com Verstappen na frente do TL3 em Sakhir.

Fórmula 1 2020, GP de Sakhir, anel externo de Sakhir, treino livre 3:

1M VERSTAPPENRed Bull Honda54.064 23
2V BOTTASMercedes54.270+0.20620
3P GASLYAlphaTauri Honda54.427+0.36324
4E OCONRenault54.453+0.38921
5L NORRISMcLaren Renault54.606+0.54215
6A ALBONRed Bull Honda54.629+0.56522
7G RUSSELLMercedes54.664+0.60020
8S PÉREZRacing Point Mercedes54.678+0.61420
9L STROLLRacing Point Mercedes54.693+0.62918
10C SAINZ JRMcLaren Renault54.720+0.65616
11A GIOVINAZZIAlfa Romeo Ferrari54.845+0.78120
12D KVYATAlphaTauri Honda54.850+0.78623
13C LECLERCFerrari54.854+0.79021
14D RICCIARDORenault54.857+0.79315
15S VETTELFerrari54.858+0.79417
16K RÄIKKÖNENAlfa Romeo Ferrari55.171+1.10720
17K MAGNUSSENHaas Ferrari55.347+1.28319
18N LATIFIWilliams Mercedes55.493+1.42921
19P FITTIPALDIHaas Ferrari55.666+1.60221
20J AITKENWilliams Mercedes55.670+1.60623
  Tempo 107%57.848+3.784 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube