Verstappen nega surpresa com punição no grid do Catar: “Nunca ganho presentes”

Holandês negou que tenha ficado surpreso com a decisão dos comissários de puni-lo por desrespeitar bandeiras amarelas durante a classificação em Losail, mas não quis dar margem para o assunto seguir em alta

AO VIVO: TUDO SOBRE O GP DO CATAR DE FÓRMULA 1 | Briefing

Max Verstappen afirmou que não ficou surpreso com a punição que recebeu dos comissários da FIA (Federação Internacional de Automobilismo), pois “nunca ganho presentes deles”. O holandês afirmou que na noite anterior já tinha a certeza de que não largaria para o GP do Catar na segunda colocação.

A reta final da classificação em Losail contou com uma bandeira amarela, mas foi justamente neste momento que Max fez a volta mais rápida. Assim, o piloto da Red Bull recebeu uma punição de cinco posições e iniciou a disputa em sétimo.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Max Verstappen fechou a corrida no Catar com a segunda colocação (Foto: Lars Baron/Getty Images)

Verstappen alegou não ter visto as bandeiras, enquanto a Red Bull defendeu que os alertas eletrônicos já tinham deixado de indicar bandeira amarela. Ainda assim, os comissários alegaram que o líder do campeonato deveria ter reduzido a velocidade quando viu Pierre Gasly lento na reta em decorrência de um furo de pneus.

“Nenhuma surpresa ali”, disse Verstappen à emissora inglesa Sky Sports. “Já sabia na noite passada que nunca ganho presentes deles, então tudo bem. No fim, uma vez que soube que largaria em sétimo, fiquei muito motivado para avançar e foi exatamente isso que fizemos”, seguiu.

“Tivemos uma boa primeira volta e, depois de cinco voltas, estávamos em segundo outra vez. Só tentei manter uma diferença pequena, algo que fizemos durante toda a corrida, então eles não podiam fazer uma parada extra e isso me deu a volta rápida no final. Então fiquei definitivamente feliz com isso”, comentou.

Questionado se sentia-se mal com a decisão dos comissários, Verstappen respondeu: “Não quero falar muito sobre isso, pois não quero dar a ninguém o prazer de falar ainda mais sobre isso. Mas, claro, não é ótimo”.

A 21º e penúltima etapa da temporada 2021 da Fórmula 1 está marcada para daqui a duas semanas, entre 3 e 5 de dezembro, e vai marcar a estreia da Arábia Saudita no Mundial.

GRANDE PRÊMIO lança especial que celebra carreira de Valentino Rossi. ACESSE
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar