McLaren destaca “cinco times com sete pódios” e diz que teto de gastos funcionou na F1

Zak Brown, CEO da McLaren, reconheceu que, por ainda ser algo recente, o teto de gastos ainda não é perfeito. Porém, o executivo apontou pontos positivos na regra

Zak Brown, CEO da McLaren, já vê reflexos do teto de gastos na Fórmula 1 e viu a medida com bons olhos. Com o intuito de aumentar a sustentabilidade no esporte e tornar a competição mais justa para as equipes menores, a iniciativa foi introduzida na categoria em 2021. E na visão do executivo, ela está cumprindo bem o seu papel, uma vez que inúmeros times estão conquistando pódios e vagas no Q3 da classificação.

O limite orçamentário da Fórmula 1 em 2021 era de U$ 145 milhões (R$ 717,7 milhões na cotação do dia), mas foi reduzido de forma gradual até chegar nos US$ 135 milhões (R$ 668,2 milhões) que devem permanecer até 2025. A regra foi implementada pouco depois do início da pandemia, momento em que praticamente todas as equipes, principalmente McLaren e Williams, enfrentaram fortes dificuldades financeiras.

Além da estabilidade, Brown afirmou que o teto orçamentário tornou as disputas em pista mais parelhas. Em 2023, por exemplo, onze pilotos de seis equipes conseguiram um top-3. Além disso, cinco desses times conseguiram, pelo menos, sete pódios. Em contrapartida, antes da nova regra, Mercedes, Ferrari e Red Bull dominavam o topo da tabela e era raro outro time conseguir uma vaga no pódio.

A McLaren teve nove pódios na F1 em 2023 (Foto: McLaren)

“O teto de gastos foi excelente para o esporte. Ainda não é perfeito, mas é algo recente e que tem algumas lacunas que a FIA está fechando, como o TD45 [que impede que projetos paralelos sejam usados por equipes de F1]”, contou o executivo da McLaren.

“Max [Verstappen] teve a temporada mais dominante da história, mas, se tirá-lo da equação, foi a primeira vez que cinco equipes tiveram sete pódios ou mais. Além disso, não me lembro de um time ser último entre os construtores, mas mesmo assim brigar por uma vaga no Q3 durante a classificação. O teto de gastos teve o resultado esperado e tornou o grid mais competitivo, e esse é seu maior benefício”, finalizou.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra, Escanteio SP e Teleguiado.