Mercedes admite diminuição do desempenho do motor após incêndios: “Temos um gremlin”

O diretor-executivo da Mercedes, Toto Wolff, definiu o motor como um gremlin após os problemas que forçaram a fábrica a cortar desempenho

A invejável sequência de 16 pole-positions consecutivas de carros com motor Mercedes na Fórmula 1, que já durava desde o GP de Abu Dhabi do ano passado, terminou no mesmo evento, no último sábado. Parte da explicação para a derrota na classificação está nos confins da Mercedes: a fábrica resolveu diminuir a potência disponível nos motores para o último fim de semana de 2020 por acreditar que ter um gremlin nas mãos.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Quem confirmou foi o chefe e diretor-executivo Toto Wolff. Segundo ele, todos os seis motores Mercedes divididos pela equipe de fábrica, Racing Point e Williams sofreram a mudança.

A gota d´água para a decisão foi a fumaça que anunciou o princípio de incêndio na traseira do carro de George Russell durante o segundo treino livre em Abu Dhabi, na última sexta-feira. Após análise de Williams e Mercedes, a conclusão foi de que o problema começou no MGU-K, o motor gerador de energia. A mesma parte também causou incêndio e custou um pódio a Sergio Pérez duas semanas atrás, no GP do Bahrein.

Russell teve problemas no motor na sexta-feira (Foto: Williams)

“Tiramos um pouco de potência e um pouco de desempenho de todos os motores da Mercedes”, disse Wolff ao site alemão ‘Motorsport-Total’.

“Temos um gremlin aqui. Os danos ao MGU-K ocorreram com a quilometragem abaixo do que ele poderia durar. Nós ainda não entendemos o motivo disso ter acontecido”, finalizou.

O GP de Abu Dhabi de Fórmula 1 tem largada prevista para 10h10 (de Brasília). Antes, às 9h, o GRANDE PRÊMIO apresenta a edição pré-corrida do BRIEFING, que debate AO VIVO tudo sobre o treino classificatório, a pole de Verstappen e traz as últimas informações direto de Yas Marina para a derradeira prova da temporada 2020 do Mundial.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube