Mercedes deixa festa do penta para trás e busca vitória em Abu Dhabi para dar “espetáculo aos fãs”

A meta da Mercedes é fechar a temporada que consagrou a equipe como pentacampeã mundial no topo do pódio. O GP de Abu Dhabi é a chance de fechar 2018 com chave de ouro. “Ao mesmo tempo, estamos buscando melhorar em 2019”, afirmou Toto Wolff

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

O GP de Abu Dhabi marca o desfecho de uma temporada histórica para a Mercedes. A escuderia chefiada por Toto Wolff completou mais um ano no topo da F1 com as conquistas dos títulos do Mundial de Construtores e também do Mundial de Pilotos, pelas mãos de Lewis Hamilton. Assim, o time de Brackley sacramentou de vez a dinastia prateada, sendo imbatível desde o início da nova ‘Era Turbo’, em 2014.
 
Mas nem mesmo a conquista antecipada dos títulos faz a Mercedes relaxar. Não há comodismo para a equipe anglo-alemã às vésperas da derradeira prova do campeonato. Em Yas Marina, Wolff tem claro o objetivo para o fim de semana: fechar a temporada com chave de ouro e no topo do pódio.
Campeã de tudo, a Mercedes busca fechar 2018 com chave de ouro em Abu Dhabi (Foto: Mercedes)

“Os festejos em Brixworth e Brackley na semana passada foram uma experiência espetacular. Conquistar o quinto título mundial consecutivo e em dobro é algo que pouca gente conseguiu antes, é incrível e curtimos este momento. Ao mesmo tempo, estamos buscando melhorar em 2019”, salientou o dirigente austríaco em prévia divulgada pela equipe.

 
Para Wolff, 2019 começa já neste fim de semana tendo como meta o impulso que uma vitória pode trazer com os funcionários a caminho das férias de inverno, tempo de descanso, mas também de preparação visando a defesa dos títulos no ano que vem.
 
“Agora estamos pensando na corrida que nos resta em 2018 e queremos oferecer um grande espetáculo aos fãs que torceram por nós durante a temporada, seja na pista, em frente à televisão ou nas redes sociais. O campeonato acabou e isso tira muita pressão de nós, de modo que temos uma corrida para irmos com tudo”, afirmou.
 
Wolff, contudo, mantém o discurso de respeito às grandes rivais da Mercedes e acredita que, assim como foi em Interlagos há duas semanas, Abu Dhabi vai representar uma grande batalha pela vitória. “Vai ser uma batalha feroz porque tanto a Red Bull quanto a Ferrari têm o mesmo objetivo de aproveitar este grande momento a caminho do inverno”, concluiu.

 

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube