Mercedes evita riscos e decide colocar quarto motor no carro de Rosberg para GP de Cingapura

A Mercedes ainda não tem certeza sobre o usado do motor que foi danificado no GP da Itália, há duas semanas, e, por isso, decidiu que Nico Rosberg terá à disposição um novo motor para a etapa de Cingapura deste fim de semana

Nico Rosberg terá à disposição um novo motor para o GP de Cingapura, prova que acontece neste fim de semana e que representa a 13ª etapa da temporada 2015 da F1. Enquanto isso, a Mercedes permanece investigando as causas da falha da unidade de potência danificada em Monza, há duas semanas.
 
Uma nova especificação da unidade de força havia sido colocada nos carros de Rosberg e Lewis Hamilton no fim de semana do GP da Itália. Mas o motor apresentou problemas no W06 #6, e o alemão precisou disputar a etapa italiana com a unidade que fora usada até a corrida de Spa-Francorchamps – o equipamento, entretanto, também falhou e provocou o abandono de Rosberg da corrida em Monza a duas voltas do fim. Já o motor novo teve um vazamento no sistema de arrefecimento. O contratempo foi identificado após o último treino live antes da classificação.
Nico Rosberg durante a classificação para o GP da Itália, em Monza (Foto: AP)
A análise inicial feita pela Mercedes na unidade danificada sugeriu que ela poderia ser utilizada novamente, mas a equipe alemã ainda não tem certeza sobre desempenho real ou sobre os riscos quanto à confiabilidade. Ainda assim, o time pretende testá-la em Cingapura, mas Rosberg deve usar o motor apenas nos treinos livres. Ou seja, é altamente improvável que a esquadra utilize o recurso para a corrida em Marina Bay.
 
A incerteza significa também que Rosberg vai para o quarto motor da temporada. Com sete corridas restantes, Nico ainda vai precisar de pelo menos mais dois motores para encerrar o campeonato. E isso quer dizer que, se a unidade danificada em Monza não puder mais ser usada, o alemão o corre o risco de ter de cumprir punições por perda de posições no grid, pois terá de efetuar novas trocas.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube