“Não é nosso mascote”: chefe diz que Fittipaldi tem espaço na Haas por bom trabalho

Guenther Steiner reconheceu que é positivo ter o sobrenome de Emerson Fittipaldi, mas ressaltou que o piloto de 24 anos conquistou o espaço pelo próprio trabalho

Guenther Steiner foi rápido em rebater os críticos da escolha da Haas de substituir Romain Grosjean por Pietro Fittipaldi no GP de Sakhir neste fim de semana. O dirigente assegurou que o piloto de 24 anos não foi escolhido pelo DNA, mas pelo bom trabalho que faz.

Pietro não guiou um Fórmula 1 em 2020, mas tinha viajado ao Bahrein antes mesmo do acidente de Grosjean na semana para atuar como reserva. Embora Steiner reconheça que ter o sobrenome de Emerson Fittipaldi ajude, o dirigente garantiu que está não foi a principal razão para contratar o brasileiro.

Steiner elogiou o trabalho de Pietro Fittipaldi (Foto: Divulgação)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“Nós não o temos como um mascote”, disse Steiner. “Minha preocupação inicial era um caso de Covid e não de lesão, mas foi por isso que eu pedi a ele que nos acompanhasse nessas três semanas”, seguiu.

“Também temos Louis Deletraz, mas Pietro está na nossa bolha ― ele fez todos os testes de Covid”, ressaltou. “Emerson foi uma estrela na época dele e ter o nome dele certamente é uma boa coisa, mas essa não é a principal razão para tê-lo aqui”, alegou.

“Pietro está aqui, pois fez um bom trabalho”, comentou.

Apesar da animação com a atuação de Pietro, Steiner controla a animação em relação à performance deste fim de semana, já que o carro da Haas não encaixa bem com o layout do traçado barenita.

“Não vai ser fácil ter um bom resultado com o nosso carro, especialmente com essa rota”, reconheceu. “Ele fez alguns testes em oval antes e talvez isso ajude. Também vai ajudar o fato de ele ter estado em várias equipes e carros diferentes ao longo da carreira”, ponderou.

“Ele vai se adaptar rapidamente e vamos ajudá-lo com isso. Kevin [Magnussen] já se ofereceu para ajudar e responder qualquer pergunta”, completou.

Ouça os programas do GRANDE PRÊMIO no formato de podcast:
Anchor | Apple | Spotify | Google | Pocket Cast | Radio Public | Breaker

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube