Penta, Hamilton afasta comparação, mas admite que sente conexão com Schumacher e Fangio no carro

Lewis Hamilton falou com a imprensa brasileira em um evento na quarta-feira. Respondendo a perguntas, evitou se comparar a grandes nomes como Juan Manuel Fangio e Michael Schumacher, ressaltando como cada piloto é diferentes, mas que sente uma conexão com eles

São Paulo já está totalmente no clima da F1, inclusive com diversos eventos com pilotos ao redor da cidade. Na quarta-feira (7), Lewis Hamilton conversou com a imprensa e além de falar sobre a etapa brasileira, comentou sobre a comparação com grandes nomes da F1, como Michael Schumacher e Ayrton Senna, seu ídolo.
 
A temporada 2018 da F1 foi bastante especial para o titular da Mercedes. Com um quarto lugar no GP do México, o inglês conquistou seu quinto título mundial, igualando a marca de Juan Manuel Fangio.
 
Entretanto, mesmo atingindo – e até mesmo passando, os números de alguns grandes nomes da categoria, o inglês evita qualquer tipo de comparação. “Isso é muito difícil, não gosto de me comparar. Cada piloto é único e tem sua história, cada um é um indivíduo para mim, tem sua cultura”, disse.
Lewis Hamilton (Foto: AFP)
“Cada um lutou e sofreu para estar onde está. Tudo o que posso dizer é que é gratificante para mim estar sentado aqui com cinco títulos. Não sei como vocês me veem, tudo o que posso fazer e ser o melhor que posso e tentar pilotar da melhor maneira”, continuou.
 
“Amo estar no carro e sinto que quando estou no carro me conecto com esses pilotos de alguma maneira, na maneira que piloto, que ataco, conservo. É uma coisa muito única ser colocado nesse grupo. É uma posição especial e privilegiada para se estar”, completou.
 
O GRANDE PRÊMIO cobre ‘in loco’ o GP do Brasil de F1 neste fim de semana.
 
O Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 acontece este ano nos dias 9, 10 e 11 de novembro, no autódromo de Interlagos. Os ingressos para a corrida estão disponíveis no único site oficial do evento: www.gpbrasil.com.br.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube