Pérez frustra expectativa e volta das férias com futuro na F1 indefinido: “Acho que ainda é um pouco cedo”

Apesar de ter anunciado que queria voltar ao trabalho com o futuro definido, Sergio Pérez volta das férias ainda sem saber onde vai correr em 2017. Mexicano avaliou que ainda é cedo para uma definição

Sergio Pérez voltas das férias ainda com o futuro indefinido. Apesar de ter declarado que pretendia concluir as negociações durante as semanas de descanso, o mexicano admitiu que volta às pistas ainda sem uma definição sobre a temporada 2017.
 
Chefe da Force India, Vijay Mallya chegou a confirmar a permanência de Pérez no time ao lado de Nico Hülkenberg, mas o mexicano garante que a decisão segue em aberto e será tomada em conjunto com seus patrocinadores.
Sergio Pérez ainda não sabe onde vai correr em 2017 (Foto: Force India)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Além de ter a opção da Force India, Pérez é também cotado para uma vaga na Renault, que tem uma longa lista de candidatos aos postos que hoje são ocupados por Kevin Magnussen e Jolyon Palmer.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“Acho que ainda é um pouco cedo”, disse Pérez. “Obviamente, como piloto, você quer saber o que vai fazer o mais cedo possível, apenas para ter estabilidade, mas isso não muda nada”, continuou.
 
“No momento, estou focado neste fim de semana. Quero ter uma segunda metade de temporada muito boa, então é nisso que está meu alvo no momento – quero dar tudo para pegar a Williams”, avisou.
 
Questionado sobre quando espera ter uma definição de seu futuro, Sergio respondeu: “Obviamente, não pode demorar, já que em alguns meses a temporada chega ao fim, então espero saber meu futuro bem antes de a temporada terminar”.
PADDOCK GP #43 DEBATE INDY E MOTOGP E FAZ PRÉVIA DA F1

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube