Räikkönen adia conversas sobre futuro na F1 e diz que família pesa para “correr ou não”

Com 40 anos e pai de dois, o finlandês afirmou que ainda não sabe se continua na categoria no próximo ano e, portanto, se segue com a Alfa Romeo

Kimi Räikkönen ainda não decidiu se segue na Fórmula 1 em 2021. O finlandês afirmou que está definindo os próximos passos da carreira e apontou que o fator família é ponto crucial para tomar uma decisão.

Aos 40 anos, o piloto de Espoo está em sua segunda temporada com a Alfa Romeo. Entretanto, nem o competidor ou seu companheiro Antonio Giovinazzi têm contrato assinado para 2021. Ao ser questionado se corre na categoria, respondeu de forma direta que “ainda não decidi.”

Mas os jornalistas presentes na coletiva de imprensa do GP da Bélgica insistiram na questão. “Ainda não sei. Primeiro de tudo, preciso decidir o que vou fazer e então veremos. Claro que, agora, é a primeira coisa a definir. E não vejo que mudaria qualquer coisa pilotar para eles ou não. Como disse, até ver o que vou fazer, essas coisas não estão em minha lista”, seguiu.

Räikkönen com esposa e filhos (Foto: Reprodução)

Räikkönen hoje é pai de dois filhos, o menino Robin, de cinco anos, e a pequena Rianna, de três. Por fim, o finlandês apontou que pensar na família tem mais peso do que um possível bom desempenho da Alfa Romeo no futuro.

“Obviamente que isso [bom desempenho] faz diferença, prefiro correr em uma boa posição e brigar por pontos, mas, honestamente, isso nunca está garantido. Só sabe se vai ser bom ou ruim no início do ano. Acredito que a imagem geral é mais importante para mim. Primeiro vem a família, e as crianças estão crescendo”, disse.

“Neste ano, fui capaz de ficar mais em casa, então é ótimo, mas acredito que isso é o que realmente decide se corro ou não. Vai ter um ponto em que desejarei estar em casa e fazer outras coisas”, concluiu.

GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL todas as atividades do GP da Bélgica de F1 neste fim de semana.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube