Räikkönen insiste que não sabe o que provocou rodada e define fim de semana: “Uma merda”

Kimi Räikkönen também falou sobre o incidente com Fernando Alonso na Áustria e disse que ainda não sabe o que o fez rodar e atingir em cheio a McLaren do rival, que tentava ultrapassá-lo, depois da curva 2. Nenhum dos dois se feriu na batida

Depois de se envolver em um sério acidente com Fernando Alonso, ainda na primeira volta do GP da Áustria neste domingo (21), Kimi Räikkönen afirmou que não tem uma explicação óbvia para o que o levou a perder o controle do carro e atingir a McLaren de Alonso depois da curva 2.

O finlandês escapou de traseira e saiu para o lado esquerdo, colidindo com o espanhol, que tentava ultrapassá-lo por fora. Os dois foram parar no guard-rail, sendo que o carro inglês voou por cima da Ferrari. Felizmente, ambos os pilotos saíram ilesos da batida.

Apesar da longa reunião nos boxes da Ferrari para entender o que aconteceu, Räikkönen revelou que nem a equipe italiana conseguiu decifrar ainda se houve uma falha técnica ou um erro do piloto.

"Eu tive rodei e, de repente, fui para o lado esquerdo", explicou o nórdico. "Não sei exatamente por que foi tão agressivo e o que causou, mas o resultado é sempre o mesmo", completou.

Alonso toca Räikkönen e acaba com McLaren sobre a Ferrari na Áustria (Foto: Reprodução TV)

Räikkönen também disse que o incidente não teve nada a ver com a rodada que protagonizou na metade do GP do Canadá, há duas semanas. Em Montreal, o piloto apontou a combinação de uma equivocada configuração do mapeamento do motor e com os pneus frios como a razão para a escapada da pista. Agora, segundo ele, a situação foi diferente.

"Foi em um lugar bem estranho", afirmou o campeão de 2007.

"Normalmente, você começa a rodar na saída da curva, mas obviamente estava longe. O que quer que tenha acontecido me fez rodar. Se foi minha culpa, o resultado é o mesmo. Foi um fim de semana de merda. É isso", acrescentou.

"Obviamente, não é normal. Não é algo que esperamos acontecer e não sabemos exatamente a razão. Mas alguma coisa obviamente aconteceu. Ou foi eu e ou alguma outra coisa? Eu não sei", completou.

determinarTipoPlayer(“15514046”, “2”, “0”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube