Ricciardo aponta evolução da Red Bull e garante: “Estamos praticamente no nível do motor 2016 da Ferrari”

Daniel Ricciardo avaliou que a Red Bull tem hoje um motor praticamente no mesmo nível do propulsor Ferrari. Australiano, no entanto, evitou descartar o time de Maranello da briga

Segundo colocado no GP da Bélgica, Daniel Ricciardo acredita que o motor Renault usado pela Red Bull alcançou o nível do propulsor da Ferrari.
 
A Red Bull começou o ano tendo de recuperar terreno em relação à Mercedes e Ferrari, mas o australiano acredita que a escuderia austríaca conseguiu um avanço considerável.
Daniel Ricciardo vê Red Bull com motor no mesmo nível da Ferrari (Foto: Beto Issa/Grande Prêmio)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

“No início do ano, nós fomos para Melbourne sem realmente esperar muito em comparação com o fim do ano passado”, disse Daniel. “Mas nós viemos com mais potência, aí a atualização ajudou, e nós encontramos mais e mais desde então”, apontou.
 
“Foi uma boa e revigorante melhora dos dois lados — o chassi está funcionando bem com a unidade de potência”, comentou. “Nós agora estamos praticamente no nível do motor 2016 da Ferrari, e isso é positivo”, avaliou.
 
“Nós superamos o Ferrari 15 que a Toro Rosso tem, então é bom, estamos indo na direção certa e isso é tudo que podemos pedir por enquanto”, observou. 
 
Nas últimas quatro corridas, a Red Bull conseguiu superar a Ferrari, transformando um atraso de 25 pontos em uma vantagem de 22. Ainda assim, Ricciardo espera reação do time de Maranello, especialmente em Monza.
 
“Eles devem ser os favoritos para nos vencerem em Monza”, declarou. “Mas se pudermos batê-los em Monza, então isso seria bom para nós antes de irmos para Cingapura e Suzuka, que, no papel, devem nos favorecer mais”, ponderou.
 
“Mas não vou descartá-los. Seb [Vettel] pode reverter isso muito bem, assim como Kimi [Räikkönen] quando está em seu dia”, defendeu. “Nós estamos preparados para brigar com a Mercedes, mas também estamos preparados para a Ferrari se juntar a ação”, concluiu.
PADDOCK GP #43 DEBATE INDY E MOTOGP E FAZ PRÉVIA DA F1

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube