Rosberg fala em semana comovente, exalta talento e memória de Bianchi e defende: “Devemos continuar correndo por ele”

Nico Rosberg afirmou que foi uma semana comovente por conta da morte de Jules Bianchi e lembrou que o sentimento no paddock neste fim de semana será diferente do normal. Mesmo sentindo o impacto da morte do jovem piloto, o titular da Mercedes defendeu que os demais devem seguir correndo em memória ao #17

A F1 não terá muito tempo para se recuperar da morte de Jules Bianchi, uma vez que volta às pistas já neste fim de semana para o GP da Hungria. O piloto francês faleceu na última sexta-feira (17) em decorrência das sérias lesões sofridas no grave acidente do GP do Japão de outubro passado. 
 
Depois de acompanhar o funeral de Jules em Nice, na França, Rosberg reconhece que os pilotos tiveram uma semana comovente, mas defende que eles precisam seguir correndo como uma forma de homenagear o #17.
Nico Rosberg avaliou que o circuito de Hungaroring é sempre um desafio extra (Foto: AP)
“Foi uma semana muito comovente. Os pilotos prestaram sua última homenagem a Jules e disseram adeus”, começou Nico. “Ele era um piloto muito talentoso e um cara legal”, elogiou. 
 
 “Meus pensamentos nesses dias estão com a família dele e os amigos próximos”, disse. “Todos vão compartilhar o mesmo sentimento no paddock nesta semana, mas nós devemos continuar correndo e correndo duro por Jules, como ele mesmo gostaria de estar fazendo”, defendeu.
 
A caminho de Hungaroring para a prova deste fim de semana, Rosberg destacou que o traçado húngaro é sempre um desafio a mais para os pilotos, mas se mostrou confiante em um bom resultado para iniciar as férias em alta.
 
“É a última corrida antes de o time ter merecidas férias e viu lutar duro como sempre para dar algo positivo para eles levarem nas férias”, falou. “É uma pista dura para o piloto — estreita, bastante sinuosa e normalmente muito quente. É um daqueles circuitos onde você realmente pode mostrar sua habilidade e esse é um bom desafio”, opinou.
 
“A corrida aqui no ano passado não foi ideal ara mim no fim, mas é uma pista autêntica, em uma linda cidade, sempre com um grande público lotando as arquibancadas, então estou ansioso para isso e espero levar para casa um resultado forte desta vez”, concluiu.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube