Sauber anuncia que chinês Fong e israelense Nissany vão testar carro de 2012 em Valência na próxima semana

Carro de 2012 da Sauber será usado por Adderly Fong e Roy Nissany em teste no circuito de Valência na próxima semana. Pilotos competem, respectivamente, na Audi R8 LMS Cup e na F3 Europeia em 2014

A Sauber anunciou que vai aproveitar o intervalo de três semanas entre os GPs da Rússia e dos Estados Unidos para dar a oportunidade para dois pilotos testarem carros de F1 pela primeira vez. Nos dias 22 e 23 de outubro, o time vai trabalhar com o chinês Adderly Fong e o israelense Roy Nissany no circuito de Valência, na Espanha.

Fong, com passagem por campeonatos de fórmula na Europa e disputando a Audi R8 LMS Cup, na Ásia, em 2014, vai guiar no primeiro dia de trabalhos. Ele também disputou as 24 Horas de Le Mans. No segundo, o chinês entrega o C31, modelo de 2012, para Nissany, que está competindo na F3 Europeia neste ano.

Adderly Fong disputou as 24 Horas de Le Mans na classe LMP2 (Foto: Divulgação)

“Eu estou muito satisfeito que vou testar a Sauber C31 em Valência. Será minha primeira vez em um carro de F1 com tanta potência, e estou ansioso”, disse Fong, de 24 anos, que está em sétimo lugar na Audi R8 LMS Cup.

“Eu estou muito contente por ter a chance de testar a Sauber C31, e vou colocar todo o meu esforço para fazer um bom trabalho”, comentou Nissany, 19. O israelense é o 18º colocado na F3 Euro com apenas 20 pontos.

A equipe suíça tem um histórico de trabalhar com jovens. Nos últimos anos, além de ter promovido a estreia de pilotos como Kimi Räikkönen, Felipe Massa e Sergio Pérez, também está preparando o russo Sergey Sirotkin e contava, o início deste mês, com Simona de Silvestro como pilota-afiliada. Problemas financeiros levaram ao encerramento precoce do programa técnico de Simona.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar