F1

Sauber fala em impressão “muito positiva” sobre carro de 2019 após começar desenvolvimento “bem cedo”

A boa temporada 2018 da Sauber permitiu adiantar o desenvolvimento do carro de 2019. Frédéric Vasseur, chefe da equipe, sente que os frutos serão colhidos com um bólido de qualidade. Mas fica a ressalva: a pré-temporada pode trazer surpresas ruins
Warm Up / Redação GP, de Berlim
Internamente, a Sauber começa a ter boas sensações a respeito do carro de 2019. A equipe suíça, que deu um salto de rendimento ao longo de 2018, acelerou o desenvolvimento do novo bólido e já gosta do que vê. Frédéric Vasseur, chefe da escuderia, vê boas chances de tirar proveito das mudanças de regulamento que acometem a Fórmula 1.
 
Isso porque, com a situação de 2018 bem encaminhada, a Sauber conseguiu começar o desenvolvimento do carro de 2019 mais cedo do que de costume. Recursos foram realocados, já que o então carro vigente não precisava de novas atualizações.
 
“A gente começou bem cedo a pisar fundo no desenvolvimento do carro do próximo ano”, disse Vasseur, chefe da Sauber, em entrevista à revista ‘Autosport’. “Mudamos o foco de todos os recursos da companhia para o carro de 2019 e ainda era cedo. Temos boas expectativas, mas estamos passando por uma mudança no regulamento, uma das drásticas, então você nunca sabe”, continuou. A grande mudança de regulamento em questão é a simplificação das asas, manobra que visa facilitar ultrapassagens em 2019.
2019 começa em clima de empolgação para a Sauber (Foto: F1/Twitter)
O otimismo, todavia, vem acompanhado da cautela: Vasseur sabe que, tão logo o carro vá à pista na pré-temporada, surpresas negativas podem aparecer.
 
“Você pode tomar uma direção errada [no desenvolvimento do carro] e só vamos perceber isso em Barcelona [na pré-temporada] porque ninguém sabe ainda o que os outros estão fazendo. Minha impressão é muito positiva, de que ainda estamos melhorando semana após semana, com o mesmo propósito que tínhamos [em 2018]. Não sei se os outros estão fazendo um trabalho melhor ou não, mas nós estamos fazendo um bom trabalho”, encerrou.
 
A Sauber encara 2019 com uma nova dupla de pilotos. Com Charles Leclerc na Ferrari e Marcus Ericsson de partida para a Indy, a equipe optou por trazer Kimi Räikkönen e Antonio Giovinazzi. A primeira aparição do novo carro, o C38, está prevista para acontecer em 14 de fevereiro durante dia de filmagens.