Verstappen cita questões de equilíbrio e diz que “não está muito feliz” com carro

A dupla de pilotos da Red Bull, Max Verstappen e Alexander Albon, terminaram o primeiro dia de pista na Hungria bastante incomodados com o bólido energético

O primeiro dia de atividades de pista para o GP da Hungria, esta sexta-feira (17) foi um tanto quanto problemática para a Red Bull. Bem longe das primeiras posições, tanto Max Verstappen quanto Alexander Albon saíram incomodados com as condições que o carro mostrou.

Verstappen conseguiu ser somente oitavo colocado no TL1 e sétimo num TL2 com chuva onde deu para testar quase nada. O holandês disse que a primeira sessão “não foi muito boa” e chegou a pedir para voltar aos boxes em dado momento dizendo que “isso é ruim”.

“Temos muito a olhar e, claro, é uma pena que tenha chovido no segundo treino. Sem isso, creio que teríamos avaliado tudo, mas, sim, temos muito trabalho a fazer”, afirmou.

“Não estou muito feliz, mas com sorte estudaremos bem durante a noite, faremos mudanças e vamos melhorar para amanhã”, seguiu.

Qual o problema, então? “No geral, equilíbrio. Precisamos olhar bem”, encerrou.

Alexander Albon (Foto: Red Bull Content Pool)

Albon: carro piorou bem desde GP da Estíria

O tailandês deixou claro que o clima atrapalhou o dia rubro-taurino.

“O clima nos afetou um pouco enquanto tentávamos entender melhor o carro. O TL1 não foi ideal e não deu para fazer nada no TL2. Analisaremos as informações para conhecer melhor os detalhes e melhorar para amanhã”, disse.

Sobre as áreas em que o carro precisa melhorar, explicou. “É uma questão de previsibilidade mais que outra coisa. Não é uma curva específica ou uma grande melhora em algum lugar. São algumas partes em todos os lugares. O carro não está onde queremos, e precisamos de algum trabalho para saber o que está acontecendo”.

Sobretudo, segundo Albon, houve uma surpresa com relação à piora do carro nos últimos dias.

“É bem parecido, mas definitivamente em alguns lugares, tipo na corrida 2 [Estíria], que melhoramos muito. Chegamos aqui sem uma sequência tão boa como esperávamos”, terminou.

O GRANDE PRÊMIO transmite ao vivo e em tempo real todas as atividades do GP da Hungria, terceira etapa do campeonato da Fórmula 1 2020.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube